30 de junho de 2022
Prancheta 2@3x (1)

Caderno: Falando de Contas

Tribunal lança rádio on-line institucional com notícias e programação musical

Informação, interatividade e boa música. Com essas premissas, o TCE-AM lançou a sua Web Rádio ‘Falando de Contas’, que passa a ser mais uma plataforma para divulgação das notícias e atos da Corte de Contas amazonense.  Ao anunciar o lançamento da nova Web Rádio, o presidente do TCE, conselheiro Mario de Mello, destacou as funcionalidades e a praticidade que a plataforma oferece aos ouvintes e aos servidores da Corte de Contas.  “A Web Rádio é uma ferramenta muito bem-vinda já que, ao potencializarmos a comunicação do Tribunal com os nossos jurisdicionados e com a sociedade civil, também estamos, de certa

​Ouvidoria realiza 2ª audiência do Rodas de Cidadania para falar sobre educação

A Ouvidoria do TCE-AM em parceria com a Escola de Contas Públicas (ECP) do Tribunal, realiza, nesta sexta-feira (9), às 10h, a 2ª Audiência Pública do Programa Rodas de Cidadania com o tema: Educação. O curso será realizado pela Plataforma Google Meet e as inscrições para estão abertas e podem ser feitas através do site ouvidoria.tce.am.gov.br ou no site da ECP do TCE-AM: moodle.ecp.tce.am.gov.br. Podem participar a população em geral, órgãos governamentais e entidades não-governamentais. “O Rodas de Cidadania é a oportunidade de discutirmos diretamente com a população temas sensíveis ao controle externo”, afirmou o ouvidor-geral do TCE-AM, conselheiro Érico

Presidente do TCE-AM apresenta PL para regular data-base dos servidores da Corte de Contas

O presidente do TCE-AM, conselheiro Mario de Mello, entregou, na última sexta-feira (25), ao presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), deputado Roberto Cidade, o anteprojeto de lei que dispõe sobre a revisão geral anual das remunerações dos servidores ativos e inativos da Corte de Contas. Ele foi acompanhado pelo conselheiro Josué Cláudio e também foi recebido na ALE-AM pelo deputado Sinésio Campos. O projeto contempla as correções das últimas três datas-base devidas aos servidores da Corte de Contas referentes ao período de junho de 2018 a maio de 2019, junho de 2019 a maio de 2020 e junho de

TCE, TCU e CGU lançam Programa de Prevenção à Corrupção no AM

Com o objetivo de orientar e treinar gestores de todo o Estado sobre boas práticas de controle e prevenção à corrupção, o TCU e CGU, em parceria com o TCE-AM, lançam nesta quinta-feira (24/06), às 10h (11h de Brasília), o “Programa Nacional de Prevenção à Corrupção” (PNPC). O evento, que já está com as inscrições abertas por meio da Escola de Contas Públicas (ECP) no endereço https://moodle.tce.am.gov.br/, visa fortalecer as estruturas de prevenção à corrupção das organizações públicas, induzir a melhoria do perfil dos gestores públicos e ainda manter sob controle a corrupção no país. Os participantes serão certificados. “O

tce-am

TCE-AM multa ex-diretoras de policlínica em mais de R$ 27 mil

O Pleno do TCE-AM multou as ex-diretoras da Policlínica Zeno Lanzini, Maria Goreth Strahm e Iolanda de Lira, em R$ 27,3 mil. As gestoras tiveram as contas referente ao exercício de 2017 julgadas irregulares após identificação de impropriedades pela Corte de Contas. Iolanda de Lira esteve frente à gestão do hospital entre os meses de janeiro e outubro de 2017, e Maria Goreth Strahm foi diretora nos meses seguintes daquele ano. Conforme analisado pelos órgãos técnicos da Corte de Contas, foram encontradas, ao todo, cinco irregularidades nas prestações de contas apresentadas pelas gestoras. Dentre as impropriedades encontradas, as então diretoras

Tribunal prorroga prazo para envio de documentos aos gestores do interior

O TCE-AM prorrogou até o dia 30 de junho o envio de documentos de processos de admissão de pessoal dos gestores do interior do estado. A decisão visa não prejudicar os órgãos que encontraram dificuldades de adaptação ao novo sistema de envio de documentos implementado este ano. O pedido veio após a Secretaria de Controle Externo (Secex), por meio da Diretoria de Controle Externo de Admissões de Pessoal (Dicape), identificar dificuldades técnicas por gestores do interior em aderir aos novos procedimentos. Conforme a solicitação da Dicape, após a realização dos treinamentos com os gestores, surgiram, ainda, muitos questionamentos à Corte

TCE-AM registra 12 mil inscrições para o concurso público para oferta imediata de 40 vagas

Faltando menos de um mês para o encerramento das inscrições do concurso público, o TCE-AM registrou, até a manhã de quarta-feira (2), 12 mil inscrições para as provas que acontecerão nos dias 18 e 25 de agosto. Deste número, 4 mil inscritos já efetuaram o pagamento, restando ainda 8 mil finalizarem processo. As inscrições para o certame estão abertas até o dia 22 de junho e são feitas, exclusivamente, pelo site da Fundação Getúlio Vargas (FGV), organizadora do certame. “Esperamos que os inscritos finalizem suas inscrições para garantir a participação no concurso. Acreditamos que mais pessoas façam inscrições até o

Inscrições para concurso público do TCE-AM estão abertas até 22 de junho

Estão abertas as inscrições para o  concurso público do TCE-AM para provimento de 40 vagas imediatas. As inscrições iniciaram no dia 21 de maio e seguem até 22 de junho, exclusivamente no site da Fundação Getúlio Vargas (FGV) em https://conhecimento.fgv.br/concursos/tceam21. O valor da taxa de inscrição é de R$ 185. As 40 vagas para provimento imediato são para o cargo de Auditor Técnico de Controle Externo nas áreas de Auditoria Governamental, Auditoria de Obras Públicas, Auditoria de Tecnologia da Informação, e vagas no Ministério Público de Contas, com vencimento de R$ 8.328,77 mais benefícios. As provas serão realizadas nos dias

TCE retifica edital de concurso público para 40 vagas imediatas; provas serão em agosto

O TCE-AM divulgou os editais do concurso público para provimento imediato de 40 vagas para o cargo de Auditor Técnico de Controle Externo para as áreas de Auditoria Governamental, Auditoria de Obras Públicas, Auditoria de Tecnologia da Informação, e vagas no Ministério Público de Contas, com vencimento de R$ 8.328,77, além de benefícios. Os documentos são retificações ao Edital nº 01/2021. Os editais completos foram disponibilizados no Diário Oficial Eletrônico (DOE) do TCE-AM e no site da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Segundo os novos documentos, o concurso público foi desmembrado em dois editais: um com 18 vagas na área de

TCE-AM lança edital de concurso público para provimento imediato de 40 vagas

O TCE-AM divulgou o edital do concurso público para provimento imediato de 40 vagas para as áreas de Auditoria Governamental, Auditoria de Obras Públicas, Auditoria de Tecnologia da Informação, e vagas no Ministério Público de Contas, com vencimento de R$ 8.328,77 e mais benefícios. As inscrições devem ser realizadas no período de 17 de maio de 2021 a 15 de junho deste ano, no site da FGV. “Determinei que publicássemos ainda em maio o edital para que fosse possível realizar as provas no início do segundo semestre, com todas as medidas de segurança e de prevenção à Covid-19. Temos um

Ex-diretora do Fapesb de Barreirinha é multada em mais de R$13 mil

O Pleno do TCE-AM julgou irregulares as contas da ex-diretora-presidente do Fundo de Aposentadoria dos Serviços Públicos de Barreirinha (Fapesb), Nazaré Lima Reis, e a multou a ex-gestora em mais de R$13 mil. Ela esteve à frente do órgão municipal em 2017. O julgamento aconteceu durante a 13ª Sessão Ordinária do Tribunal Pleno, realizada na terça-feira (4), no Plenário Virtual. Além da sessão plenária, a Primeira Câmara esteve reunida, sob presidência do conselheiro Josué Neto, e julgou 325 processos. Segundo o relatório apresentado pelo Ministério Público de Contas (MPC), Nazaré Lima Reis não justificou de forma plausível a ausência de

Ex-gestoras da Policlínica Gilberto Mestrinho são multadas em mais de R$ 1,6 milhão

O Pleno do TCE-AM julgou irregulares as contas das ex-diretoras da Policlínica Gilberto Mestrinho em 2019, Francisca da Silva Garcia eMaximina Penha Malagueta, e as condenou a devolver aos cofres públicos R$ 124 mil e R$ 1,6 milhão, respectivamente, valores entre multa e alcance. As penalidades foram aplicadas na terça-feira (27), durante a 12ª Sessão Ordinária do Tribunal Pleno. Após análise dos órgãos técnicos, o relator do processo, auditor Alber Furtado, identificou diversas irregularidades nas prestações de contas das ex-gestoras em 2019. Francisca Garcia esteve frente à policlínica entre janeiro e setembro de 2019, e Maximina Malagueta entre outubro e