2 de dezembro de 2021
é especialista em negócios digitais, editora da coluna Mais Empresárias
é especialista em negócios digitais, editora da coluna Mais Empresárias

Raquel Omena

Só por hoje, fale mal do seu negócio!

Só por hoje, fale mal do seu negócio!

Independentemente de qual área você atua ou pretende atuar, ou de seja lá qual for o nicho da sua empresa, você precisa conhecer seus concorrentes diretos e indiretos. É importante ter domínio sobre tudo que está acontecendo no seu mercado, e visão das oportunidades desperdiçadas que podem ser usadas como vantagem e diferencial pra quem está entrando agora. Um dia desses eu li uma analogia interessantíssima que dizia “Concorrência é como um jogo de tênis. Não tem contato físico. Não podemos impedir que ela crie jogadas e produza. Temos que ser eficientes em nosso próprio território”. Ou seja, precisamos olhar muito mais para dentro do nosso

Te escuto, mas não te ouço

Te escuto, mas não te ouço

Você escuta para compreender ou para responder? Eu sei que a resposta meio óbvia, né? – É claro que eu escuto para ouvir, dââ! Mas na verdade, se você se permitir participar desse pequeno desafio, talvez descubra que você não escuta para de fato ouvir, compreender, e sim, a cada palavra dita e cada frase construída, seu pensamento está focado em produzir uma resposta, uma defesa, um comentário ou qualquer outro argumento. É claro que se pararmos para pensar existem mil razões para agirmos dessa forma. Vivemos em uma sociedade cada vez mais narcisista, ansiosa, carente e com alta necessidade de ser

O segredo está na ponte entre você do passado e você de agora

O segredo está na ponte entre você do passado e você de agora

Em 1995, Steve Jobs falou a Wired Magazine: “Criatividade é uma questão de conectar as coisas. Quando você pergunta às pessoas criativas como foi que elas fizeram alguma coisa, elas se sentem um pouco culpadas porque nada fizeram de fato, apenas enxergaram algo que parecia óbvio para elas após um certo tempo. Isso porque elas conseguiram conectar experiências que tiveram e sintetizar coisas novas. E o motivo pelo qual conseguiram, foi porque tiveram mais experiências ou pensaram mais sobre suas experiências do que as outras pessoas”. Na mesma entrevista, ele continua: “A Internet me lembra dos estágios iniciais da indústria de computadores. Ninguém sabia

Aquele 1% que vale tudo

Aquele 1% que vale tudo

Sabe aquela frase que diz: Se você melhorar 1% ao dia, você melhora 365% ao ano? Então, não é exatamente assim que funciona, mas é isso que se quer dizer! Já pensou melhorar 365% em seja lá no que você quer melhorar? Então, a gente escuta diariamente as pessoas falando de dedicação, meritocracia, de “vir do nada” e ser uma potência. Crescemos com a mídia dizendo que se a gente não consegue algo é porque não lutou o suficiente. “Você poderia ter dado o seu melhor”, “poderia ter feito como o fulano”, “se você não mudar, você vai continuar pobre”. Parece incrível,

Não acredite em tudo que a sua mente diz

Não acredite em tudo que a sua mente diz

Em tempos de exaltação da mediocridade e da proliferação da ignorância, venho por meio desta fazer um alerta:   – Não acredite em tudo que a sua mente te diz!  Sim, se você não costuma se informar, estudar, conhecer e colocar o seu raciocínio lógico para funcionar na hora de analisar o ecossistema a que vc esta inserido, não adianta ouvir o que sua mente tem para dizer porque, sem saber, você pode ser um analfabeto funcional. Três entre cada dez brasileiros têm limitação para ler, interpretar textos, identificar ironia e fazer operações matemáticas em situações da vida cotidiana e, por isso, são considerados analfabetos

Mulher na Política: Devagar, mas rumo ao topo

Mulher na Política: Devagar, mas rumo ao topo

É inacreditável como somos a maioria da população e ainda assim, muitas mulheres usam o seu poder de escolha para votar em homens. Em Manaus, de 41 candidatos, apenas 4 foram eleitas vereadoras. Para chefes do executivo municipal, as mulheres concorreram apenas como vices.  Apesar de não ter acompanhado ativamente o desempenho das mulheres em suas campanhas esse ano, foi possível analisar claramente o que tem acontecido com lideranças femininas no Brasil e no mundo. Começando pelo destaque que os países liderados por mulheres obtiveram no combate à pandemia. Em artigo recente, a colunista Avivah Wittenberg-Cox da revista Forbes as considerou “exemplos de verdadeira liderança”. “As mulheres estão se colocando à

Quando foi a última vez que você fez algo pela primeira vez?

Quando foi a última vez que você fez algo pela primeira vez?

Já dizia Albert Einsten, “Loucura é querer resultados diferentes fazendo tudo exatamente igual”. Na era da lacração fica até difícil escolher o que dizer, a quem ouvir ou acreditar e se quem disse o que disse, disse mesmo alguma coisa ou só lacrou. Para quem gosta de citações, já tem familiaridade com várias, inclusive quando lê uma, já pensa em outra similar. Sabe aquela conhecida também? Não é de Einsten, mas é de alguém que queria dizer a mesma coisa com outras palavras: “Velhos caminhos não abrem novas portas”. Bom, o importante é que nesse mundo das frases de efeitos, existem muitas lições

A nova era das “Chefas”

A nova era das “Chefas”

Mais de 45% das donas de negócios no Brasil se tornaram “chefes de família” empreendendo

Tudo dá Trabalho. O segredo é eliminar o que dá trabalho e não traz resultado

Tudo dá Trabalho. O segredo é eliminar o que dá trabalho e não traz resultado

O X da questão é até onde vamos para sair da nossa zona de conforto?  Pode parecer difícil fazer renúncias para se chegar em algum lugar. Ficar sem salário, parar de sair, de comprar roupas, passar a comer por sobrevivência e não por prazer, enfim, parar de viver. Quantas pessoas reclamam que não têm dinheiro pra investir, mas é só sair o novo Iphone que o sujeito tá lá comprando? Assim como é ralado abrir mão de certas coisas hoje pra pensar em um futuro melhor, também é ralado não fazer isso. A maioria das pessoas ainda possui aquele pensamento imediatista, de querer tudo pra ontem e querem saber como eu vejo isso? 

Nosso pequeno universo – Parte 2

Nosso pequeno universo – Parte 2

Na primeira parte da coluna, falei sobre a importância  de se conhecer e de conhecer o outro na hora de empreender. Utilizando pensamentos de Carl Sagan, foi possível comparar a ciência a conceitos básicos de empreendedorismo e com isso, perceber que analisar o mundo e o universo, através do nosso próprio repertório de experiências é exatamente o que vai nos diferenciar e criar o DNA do nosso modelo negócio.  O ponto de partida para quem quer começar a se enxergar como empreendedor é se auto analisar e responder a 4 perguntas. As duas primeiras, já exploradas na semana passada, questionam “Quem sou eu e

Nosso pequeno Universo – Parte I

Nosso pequeno Universo – Parte I

“Somos, cada um de nós, um pequeno universo”.Começar a coluna com uma das frases famosas de Carl Sagan foi extremamente proposital para abrir uma auto reflexão sobre o que sabemos a nosso respeito. Sagan é considerado um dos maiores divulgadores de ciência de todos os tempos. É dele também a frase “A ciência é muito mais do que um corpo de conhecimento. É uma maneira de pensar”, “Um livro é a prova de que seres humanos são capazes de fazer magia” e “Vivemos em uma sociedade extremamente dependente da ciência e da tecnologia, na qual pouquíssimos sabem alguma coisa sobre ciência e tecnologia”.

Um Wilson para chamar de seu

Um Wilson para chamar de seu

O que é apoiar alguém? Qual é o verdadeiro papel de quem está ao seu lado? Eu já tive relacionamentos em que não me atrapalhar já era um ótimo apoio. Já tive relações em que moveram mundos e fundos para que eu conseguisse atingir meus objetivos e já tive relações que não ter continuado acabou sendo um livramento.  Na verdade, eu sempre acreditei que tudo aconteceria da melhor forma que poderia naquela situação. E é pensando assim que eu me sinto confortável e motivada a seguir adiante, sabendo que eu faço o melhor que posso. Mas já que estamos falando do sentido literal, ou seja, do apoio, da luta em conjunto,