Pesquisar
Close this search box.

Vozes da Educação de Manaus – Professor Giordano Cássio

Hoje, no último artigo do projeto “Vozes da Educação de Manaus” de 2023, apresentamos a trajetória de vida do professor Giordano Cássio da Silva Costa na Educação de Manaus. Certamente os leitores identificá-lo-ão como um professor inspirador, comprometido com o seu ofício de ensinar; um ser humano encantador, uma pessoa extraordinária, enfim, um exemplo a ser seguido. Boa leitura!

“Nasci no dia 22 de maio de 1984 em Bragança no Pará. Filho de Sônia Maria da Silva Costa e José Gilmar Alves Costa (in memória). Morei parte da minha vida na cidade de Castanhal no Pará onde estudei da alfabetização até a segunda série no Colégio São José das Irmãs Preciosinas e no Centro Educacional de Castanhal onde cursei da terceira série até o Convênio (hoje 3ª série do Ensino Médio). Vivi anos de intenso aprendizado e de experiências que até hoje trago para a minha vida profissional como é o exemplo das Feiras de Ciências que realizei com meus colegas na escola, principalmente quando estudamos sobre os temas das Guerras Mundiais e dos Dinossauros. 

Sou licenciado em Filosofia pela FSDB – Faculdade Salesiana Dom Bosco em Manaus, pós-graduado em Ensino Religioso Escolar pela CLARETIANO e pós-graduado em Ludopedagogia pela FAVENI. Este ano comecei meu mestrado em Ciências das Religiões pela FUV (Faculdade Unida de Vitória – Espírito Santo) para aprofundar meus conhecimentos desta Ciência que é a base para o Ensino Religioso, componente curricular que sou concursado na Secretaria Municipal de Educação de Manaus e na Secretaria Estadual de Educação do Amazonas.

Minha história com a educação começa aos 19 anos com a entrada na vida religiosa na congregação dos Salesianos de Dom Bosco quando iniciei minha caminhada na cidade de Ananindeua no Pará em 2004, e posteriormente em Manaus no Amazonas, em Indápolis no Mato Grosso do Sul e em Iauaretê, distrito de São Gabriel da Cachoeira no alto Rio Negro – Amazonas, trabalhando em diversas frentes como os Oratórios, a Catequese e a Formação Religiosa de adolescentes e jovens desses lugares por onde passei. Ministrei palestras, organizei eventos religiosos e educativos e busquei alcançar um dos objetivos da vida salesiana “formar bons cidadãos e honestos cidadãos”.

Após sete anos dessa experiência religiosa e educativa, comecei minha experiência na educação básica. Passei no processo seletivo do Sesc aqui em Manaus e de 2012 a 2018, fui professor de Filosofia dos Anos Iniciais e Ensino Médio e durante dois anos fui professor de Ensino Religioso dos 6º e 7º anos e também trabalhei de 2012 a 2016 no Centro Educacional Santa Teresinha das Irmãs Salesianas com Ensino Religioso, Sociologia e Filosofia. Foram os primeiros anos de aprendizado na área da educação que me proporcionaram crescimento humano e profissional, me ajudando a superar os desafios na arte de educar. Acredito que minha formação e amadurecimento na profissão de professor ocorreram nesses anos, pois as pessoas que passaram na minha vida me ensinaram bastante, me orientaram com os melhores conselhos. Sou eternamente grato aos professores, aos estudantes e a todos os meus superiores dos ambientes escolares pelos quais passei.

No ano de 2016 iniciei minha jornada na escola pública, onde estou até os dias de hoje. Fui chamado no concurso da SEMED Manaus para ser professor de Ensino Religioso dos anos finais (6º ao 9º ano) na área rural rodoviária e fui lotado na Escola Municipal São Judas Tadeu, onde trabalhei durantes seis anos e tive momentos maravilhosos como professor, realizando minha missão de educar adolescentes e jovens para a sociedade em que vivemos. Trabalhei ainda seis meses na Escola Municipal Solange Nascimento onde tive uma experiência riquíssima com outra realidade escolar. 

A outra realidade pública que tenho é o trabalho que iniciei ao ser chamado no concurso do Estado do Amazonas em 2019 na Escola Estadual Professor Sebastião Augusto Loureiro Filho e depois em 2020 até o início de 2023 na Escola Estadual Eliana Socorro Pacheco Braga como professor de Ensino Religioso dos anos finais. Nesses anos de experiências de escola pública, apesar dos desafios, pude desenvolver meus jogos didáticos em Ensino Religioso, participei de palestras, simpósios, seminários e também ganhei prêmios na Câmara Municipal de Manaus e no Distrito Rural da SEMED Manaus por se destacar no meu trabalho.

No ano de 2022 fui chamado a ser formador do componente Ensino Religioso dos anos finais na Secretaria Municipal de Educação de Manaus e aceitei o desafio de trabalho em prol da formação dos professores da rede municipal na DDPM – Divisão de Desenvolvimento Profissional do Magistério onde faço parte da GFC – Gerência de Formação Continuada. Esta experiência está sendo bastante enriquecedora na minha vida profissional, pois venho aprendendo com os professores por meio das trocas de experiências que acontecem durante os encontros formativos e no acompanhamento das atividades realizadas nas escolas. Além disso, procuro compartilhar atividades e jogos para que eles possam multiplicar em sala de aula. 

Quero compartilhar uma última experiência que tive nos dias 19, 20 e 21 de outubro em Brasília-DF no XVII SEFOPER – Seminário Nacional de Formação de Professores para o Ensino Religioso promovido pelo FONAPER – Fórum Nacional Permanente do Ensino Religioso) onde faço parte da coordenação e pude além de colaborar na organização do evento, apresentar uma comunicação oral sobre as práticas pedagógicas dos professores de Ensino Religioso de Manaus com o tema “Professor inspira professor” e ministrar uma oficina de “Jogos de Ensino Religioso”, apresentando os jogos que compartilhei na formação de professores tanto na área urbana quanto na área ribeirinha da cidade de Manaus. 

Enfim, acredito num componente curricular que deva atrair os adolescentes e jovens, onde possamos discutir sobre as questões religiosas sem doutrinar e sim ampliar os horizontes desses nossos estudantes promovendo o conhecimento e o respeito pelas diversas tradições religiosas. E para alcançar esse objetivo, no período da pandemia, criei um blog https://paporeligioso.blogspot.com/ para que os estudantes tivessem acesso ao material que organizava para as aulas remotas e hoje esse blog é um espaço para os professores encontrarem apostilas com atividades, vídeos e jogos digitais para trabalharem em sala de aula.

Quero agradecer a oportunidade de apresentar nesse espaço um pouco da minha história e do meu trabalho na educação que está sempre em construção e hoje mais ainda tenho a convicção da construção com a coletividade, com os professores de Ensino Religioso da rede municipal de Manaus que fazem um trabalho belíssimo em prol dos nossos adolescentes e jovens. Parabéns a todos que acreditam que podemos transformar a sociedade por meio da educação”.

Compartilhe:​

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Notícias Recentes

No data was found
Pesquisar