Você se considera um bom colega de trabalho?

Se existe uma frase que resume o segredo das boas relações entre as pessoas é “faça ao próximo o que você gostaria que ele fizesse com você”. Mas, devido à correria da rotina e ao costume que adquirimos em determinadas situações, deixamos esse pensamento de lado e nem prestamos atenção em nossas atitudes. Agindo dessa forma, você pode irritar muita gente, assim como os outros também devem te tirar do sério, não é mesmo?

Hoje em dia, não adianta ser tecnicamente bom, se você não sabe lidar com pessoas e manter um bom clima. Para manter a “política da boa vizinhança” no ambiente de trabalho, segue abaixo um breve manual de boas práticas. 

Como se portar (independente dos outros)

Tenha sempre um semblante alegre e sorridente. O sorriso contagia o ambiente. Mostre interesse pelos outros, por seus problemas, sua família, sua profissão. As pessoas apreciam receber atenção. Evite o humor agressivo, que sempre acaba machucando as pessoas. Deixe que suas virtudes falem por si próprias, e evite falar dos vícios alheios. Cuide de certas normas de etiqueta social e as aplique corretamente. Mantenha a mente aberta. Aceite opiniões contrárias às suas, e procure compreendê-las. Procure a causa de suas antipatias a fim de vencê-las. Conheça-se a si mesmo. Cuide para não ferir as pessoas com reações agressivas. Controle suas emoções. Respeite seu chefe imediato, colegas, subordinados e clientes. Quem respeita, será respeitado. Não minta para os outros nem nos pequenos detalhes, a confiança é muito importante no ambiente de trabalho.

Conversas

Conversar sobre o ambiente de trabalho é até saudável, mas fofocar o tempo todo pode não ser. Cochichar com pessoas é extremamente indelicado!

É importante relacionar-se bem no ambiente de trabalho, mas é importante também entregar os resultados que você precisa. Então, não deixe a conversa lhe atrapalhar.

Aproveitando, vale lembrar que é muito chato gente que incomoda as pessoas a todo instante com perguntas, comentários e piadinhas desnecessárias.

Comunicação

Seja claro na comunicação. Fale somente o necessário e saiba ouvir. Não interrompa quem está falando. E quando for falar, fale pouco, com convicção e segurança. Jamais diga categoricamente: “Não concordo! Você está errado.”
Argumente com outros termos, pois a maneira como você diz é mais importante do que aquilo que você diz. 

Celular

Tudo bem que você pode ser uma pessoa bem popular e receber notificações no Whatsapp de 30 em 30 segundos. Mas, por favor, deixe o aparelho no silencioso. Ninguém é obrigado a se desconcentrar devido aos seus “piririns” ininterruptos. Além disso, mesmo que você receba notificações de 30 em 30 segundos, não é interessante que a cada momento que você as receba, você olhe seu celular.

Ligações longas não são apropriadas no horário de trabalho. Ligações pessoais devem ser recebidas rapidamente, bem como respostas à WhatsApp também.

Comportamento inapropriado à mesa 

Não corte ou serre as unhas, não pare o trabalho para tirar as sobrancelhas ou fazer a maquiagem do dia. Evite comer na mesa de trabalho, principalmente alimentos com cheiro muito forte.

Cheiros

Não deixe comida apodrecer na cozinha ou geladeira. Aproveitando, não roube a comida do próximo que está na geladeira. Melhor não jogar os restos no lixo da sala e esperar o odor passar só quando alguém retirar o lixo. Os colegas de trabalho podem não conseguir se concentrar devido ao seu egoísmo! O melhor é você colocar os restos num saco plástico, fechar bem e levar para o lixo de fora.

Ainda sobre cheiros: ao mesmo tempo em que é muito ruim trabalhar próximo a pessoas que não usam desodorante e acabam cheirando muito mal, pode ser até pior ficar ao lado de alguém com um perfume muito forte. 

Sujou, lavou!

Não deixe a cozinha bagunçada, com pilhas de louças para lavar. Usou, lavou. Derrubou algo no chão, limpe. Isso é educação que vem de casa, afinal, ninguém é obrigado a limpar sua sujeira.

Vamos fazer bonito no ambiente de trabalho?

Boa semana!

Fiquem com Deus!

Compartilhe:​

Qual sua opinião? Deixe seu comentário