Um ano de 2024 com Propósito

Mergulhar dentro de si mesmo é uma jornada profunda e reveladora, uma busca por respostas que residem nas camadas mais íntimas da sua consciência, mas é somente nesta profundidade que você encontrará significado e fará dos seus dias razões direcionadas para realizar o que é relevante. 

Lembre-se de que essa jornada é única para cada pessoa, e não há respostas certas ou erradas. O importante é estar aberto, receptivo e disposto a explorar as profundezas de quem você é e se encantar com a força da sua autenticidade. 

Como não existe fórmula mágica, o mais importante é ser sincero com você e começar a desvendar o que motiva você, o que faz você sair da cama, quais são as tarefas que tornam sua rotina mais agradável e produtiva. Elementos assim que começam a demonstrar o que você mantém sua força e energia para despertar e prolongar o seu entusiasmado. 

Ao mergulhar dentro de si mesmo com sinceridade e paciência, você pode descobrir respostas valiosas que o guiarão em direção a uma vida mais alinhada com seus verdadeiros valores e encontrar o caminho com sentido.

E para descobrir seu verdadeiro propósito, é necessário fazer uma pesquisa intensa em seus pensamentos e sentimentos, para conseguir fazer uma análise real e significativa do que mais importa. 

Uma boa forma de começar é pelo âmbito profissional, uma vez que como adultos passamos muito tempo em rotinas da profissão.

Conectar missão, propósito e trabalho é uma maneira poderosa de encontrar essência e satisfação em sua carreira e fazer dos dias, das semanas, dos meses e consequentemente do ano com senso de realização.

E aqui te deixo algumas perguntas para refletir sobre o propósito de vida na sua carreira profissional como passo para fazer de 2024 um ano com propósito:

* Em relação a sua satisfação pessoal:

  • Reflita sobre o quão satisfeito você se sente com sua carreira atual. Pergunte a si mesmo se as atividades diárias e os objetivos profissionais estão alinhados com o que você considera significativo e gratificante. 
  • Sua carreira tem causado impacto positivo nas pessoas, em você e no mundo?

* Em relação aos seus valores:

  • Avalie se os valores que são mais importantes para você estão refletidos em sua carreira. Considere se a cultura organizacional e as práticas da empresa estão alinhadas com o que você valoriza.
  • Pergunte-se se você se sente ética e moralmente confortável com as decisões e atividades relacionadas ao seu trabalho.

* Contribuição para a sociedade:

  • Reflita sobre como sua carreira contribui para a sociedade. Pergunte a si mesmo se suas habilidades e esforços estão sendo utilizados para causar um impacto positivo na comunidade ou no mundo.
  • Considere se o propósito da sua carreira vai além do aspecto pessoal, contribuindo para o bem maior.

* Desenvolvimento:

  • Avalie se sua carreira proporciona oportunidades de crescimento pessoal e profissional alinhadas com seus objetivos e aspirações. Considere se você está aprendendo, se desafiando e se desenvolvendo continuamente.
  • Pergunte-se se sua carreira atual está permitindo que você alcance seus objetivos a longo prazo e esteja de acordo com sua visão de sucesso pessoal.

* Senso de realização e significado:

  • Analise se suas conquistas profissionais proporcionam um senso de realização e significado. Pergunte a si mesmo se os projetos em que está envolvido e as metas que busca estão alinhados com seu propósito mais amplo.
  • Considere se você sente um senso de entusiasmo e motivação ao realizar suas atividades diárias, sabendo que estão contribuindo para algo maior.

Essas reflexões podem ajudar a avaliar a harmonia entre seu propósito de vida e sua carreira. Se perceber discrepâncias significativas, talvez seja necessário reavaliar seus objetivos profissionais, considerar mudanças ou ajustar seu foco para garantir uma maior congruência entre sua carreira e seu propósito pessoal.

Passo a passo neste autoconhecimento você vai também ampliando para outros aspectos da vida e começa a perceber a interdependência da saúde física, emocional, intelectual com suas finanças, relações sociais e familiares. No fundo somos uno.

Cintia Lima

Psicóloga, Master Coach e Mentora Organizacional

@psi.cintialima

Compartilhe:​

Qual sua opinião? Deixe seu comentário