Pesquisar
Close this search box.

O LinkedIn pode mesmo fazer alguma diferença na minha carreira?

Isso mesmo! As contratações também estão sendo feitas por intermédio das redes sociais. E no caso específico do LinkedIn, é um planejamento a curto, médio e longo prazo, pois no presente momento você consegue gerar negócios e futuramente ter um perfil cobiçado, se este for bem-feito. Portanto, tenha um comportamento adequado, dentro da plataforma do LinkedIn. Até seu Instagram e Facebook podem ser avaliados em um processo seletivo, você sabia? Mas lógico que com um olhar diferente, entendendo que são redes sociais mais pessoais.

LinkedIn é uma das ferramentas essenciais que todo profissional que deseja alcançar o sucesso deve conhecer, ter e saber usar da melhor forma possível. O objetivo do LinkedIn está ligado em cuidar de um item extremamente precioso: a sua carreira. Além de promover contatos profissionais, ser uma rede de networking, que visa fortalecer parcerias entre clientes / empresas, também é uma vitrine que você se expõe enquanto profissional e pode ser encontrado sem necessariamente estar buscando algo. E de que forma? Expondo suas potencialidades, seus melhores jobs, certificados e premiações. É uma ótima maneira também de “dar a cara pra bater na rede”, de um jeito profissional é claro. Outro item interessante na ferramenta é a opção de “Recomendação” onde pode-se Recomendar ou ser Recomendado por alguém em méritos profissionais ou acadêmicos e poder mostrar assim uma certa “qualificação” e “competência”. 

Através do LinkedIn, é possível criar um tipo de currículo interativo, onde você inclui as empresas que já trabalhou, onde estudou e diversas outras informações, além de poder se manter conectado a outros profissionais da sua área. Inclusive, é um ótimo meio que as consultorias e empresas que estão procurando por um profissional utilizam para achá-lo. Por esse motivo é também muito importante no seu LinkedIn ter informações como telefone celular, e-mail ou Skype. Algum meio de ser encontrado pelos Headhunters.

Um recurso extremamente útil, é o botão chamado “seguir empresas”, ele permite acompanhar a atividade das empresas que você tem interesse e descobrir algo muito além do briefing, permitindo assim ficar mais próximo das informações pertinentes para agregação do briefing. Os perfis de empresa mostram inclusive interessantes estatísticas sobre os funcionários conectados a ela na rede, como a média de idade, cargos mais comuns e mostra até a trajetória profissional de muitos destes funcionários, onde trabalharam antes e depois de passarem pela empresa, formando assim uma rede de empresas relacionadas.

A importância do uso do LinkedIn se revela pela forte presença de grandes empresas e corporações e muitas delas inclusive recomendam que seus colaboradores criem seus perfis e se conectem uns aos outros.

Os perfis criados no LinkedIn são facilmente indexados pelos motores de busca do Google, o que significa que, ao procurar o nome de uma pessoa, provavelmente você encontrará entre os resultados da busca um link para o perfil profissional da pessoa no site do LinkedIn.

Vamos para a prática!

1. Mantenha seu perfil atualizado

De acordo com o LinkedIn, você tem 40X mais chance de receber oportunidades, se seu perfil estiver completo. Um perfil completo inclui, no mínimo, seu trabalho atual e dois empregos anteriores, sua formação educacional, um resumo do perfil, foto do seu perfil, suas especialidades e pelo menos três recomendações. Seu resumo do perfil deve destacar as suas paixões, interesses e sua personalidade. Sua experiência profissional destaca-se a ações específicas e os impactos obtidos – coloque palavras-chave de sua área, nesse item. Muitas pessoas cometem o erro de escrever a sua experiência como uma recitação de tarefas.

2. Construa a sua rede 

Primeiro, concentre-se em amigos e colegas que o conhecem. Após, conecte-se com profissionais que são da sua mesma área de atuação, mas em outras empresas, profissionais que são da área de RH (independente do nível hierárquico), entendendo que em geral não é o Gerente ou o Diretor de RH que trabalhará as vagas em aberto, mas que sim, é importante ter a visibilidade deles também, ou seja, selecione profissionais com gestão e sem gestão nesse caso. Faça conexões também com profissionais que trabalham em empresas que seriam interessantes para você. Não há prêmio para acumular a maior parte das conexões. Suas conexões devem ser pessoas que estariam dispostos a dar credibilidade e entusiasmo ao apresentá-lo a outros em sua rede. Aqui está outra razão para ter cuidado com quem você convidar para sua rede: suas conexões podem também pedir-lhe para a introdução de outras pessoas na sua rede. 

3. Junte-se ao seu público-alvo 

Por quê? Haverá pessoas que estão lá fazendo o que você quer fazer. Participe das discussões – de boas e válidas discussões. Criar discussões sobre tópicos que você está interessado em fazer perguntas interessantes. Essas ações lhe permitirão conhecer pessoas que podem aumentar o seu trabalho ou conhecimento do setor, dar-lhe feedback sobre a sua procura de emprego, ou mesmo se aproximar de você sobre o emprego potencial. Para que alguém lhe ajude, eles precisam sentir que vale a pena o seu tempo, ou porque realmente gostam de você, e / ou acreditam que ajudá-lo a prestações de alguma forma. Se você está ali apenas para tirar algo do grupo, você não vai encontrar muitos dispostos a ajudá-lo. Apenas muita cautela em não ser o tipo de pessoa que polemiza tudo ou que vai apenas contra a opinião de todos. Pense: vale a pena colocar minha opinião? Nem tudo vale a pena ser dito (lembre-se que você está trabalhando a sua visibilidade enquanto profissional – foco na carreira).

4. Participe de Grupos pertinentes no LinkedIn

O conteúdo destes grupos é bastante limitado, mas sendo o membro de um é valioso porque você pode enviar convites a conexões ou mensagens a outros membros do grupo que de outra forma não poderiam se envolver. 

5. Pesquisa Empregos LinkedIn

Quando você procura empregos por título da empresa ou de trabalho, você pode ver quais dos seus contatos estão na empresa ou conhecer a pessoa que publicou o trabalho. Aproveite essas conexões para ajudar você a ter uma oportunidade!

6. Busca de conexões com empresas visadas

Você irá aumentar dramaticamente suas chances de uma entrevista ou impressão inicial favorável se você começar uma introdução a um recrutador ou gerente de contratação de alguém que confia. Faça uma busca por pessoas que podem fazer essa introdução, introduzindo o nome da empresa. Vamos dizer que eu estou interessado em trabalhar para a Apple. Minha pesquisa sobre a Apple irá gerar pessoas em minha rede que trabalham ou trabalharam na Apple. Você pode, de fato, ser capaz de pedir um contato de 1 º grau (alguém que eu estou conectado no LinkedIn) para uma introdução pessoal ou recomendação para o gerente de contratação. Alternativamente, esta pessoa pode ser uma grande fonte de informações sobre a empresa ou indústria, que vai me ajudar a distinguir-me na entrevista. Para uma conexão de 2 º grau (uma ligação de uma das minhas ligações), vá para o seu perfil e se parecer relevante, contate-o para uma introdução.

7. Faça contato direto

Depois de identificar as pessoas através do LinkedIn que podem ser úteis, é importante que você tenha o direito de perguntar. Na maioria dos casos, pedir um emprego ou uma entrevista não é o direito de perguntar – cuidado para não se tornar inconveniente ou chato – saiba fazer. A maioria das pessoas não pode te ajudar com o que pode ser o seu principal objetivo, mas eles ainda podem ajudar com informações, feedback, apresentações e muito mais.

8. Mostre que você está procurando

Todo mundo é uma ligação de trabalho potencial, mas eles não podem ajudar, se eles não sabem que você está procurando. Deixe as pessoas saberem seu objetivo, seja ele busca por emprego ou outra situação. Mas, não faça panfletagem, de novo, faça da maneira correta e encontre não somente um bom emprego, mas também bons contatos e aumente seu networking da forma correta, com qualidade.

9. Demonstrar seus conhecimentos por meio de respostas LinkedIn e publicação de artigos

No LinkedIn Answers você pode perguntar e responder a perguntas sobre tópicos específicos de negócios. As pessoas que lerem suas respostas e estiverem impressionados com a sua visão podem ter interesse por você, isso aumenta sua credibilidade e visibilidade dentro da rede.

Sabe muito sobre um assunto? Ou quer colocar uma opinião interessante sobre algum tema? Escreva um artigo (como este, por exemplo) e publique para sua rede.

10. Otimize seu perfil

Ao preencher seu perfil e experiências, coloque as palavras-chave pelas quais deseja ser encontrado, sincronize seu currículo (e outras ferramentas convenientes) com o seu perfil do LinkedIn, consiga recomendações de quem já trabalhou com você ou de quem foi seu cliente. Isso conta muito na hora de uma contratação ou pesquisa. Todo este preenchimento de perfil no LinkedIn leva tempo e não precisa ser feito de uma vez só. Como em tudo na internet, a rede exige pró-atividade e tempo para conquistar seja um emprego bacana, negócios ou fontes. E aprender a usar qualquer ferramenta demanda tempo de uso, paciência e conhecimento.  Usar todo o potencial do LinkedIn, porém, requer conhecer o site e seu potencial, indo além de criar um cadastro.

Boa semana!

Fiquem com Deus!

Compartilhe:​

Qual sua opinião? Deixe seu comentário

Notícias Recentes

No data was found
Pesquisar