Face a face

VEJO AS CRIANÇAS, OS JOVENS, OS ADULTOS E OS IDOSOS. O ANDAR CLAUDICANTE DO APRENDIZADO, O OLHAR FIRME NO FUTRURO, O CAMINHAR TRÔPEGO DOS FINS DE TEMPO. GESTOS, SORRISOS, MÃOS QUE SE DÃO. TRANSITO COM A INDIFERENÇA DOS DESCUIDADOS. SÃO MAGROS, GORDOS, FEIOS, BONITOS, ALTOS, BAIXOS, NANICOS E VERDADEIROS GIGANTES. SOU UM DELES. BÍPEDES INTELIGENTES. SERES DESCONEXOS A TRANSITAR CAMBALEANTES SOBRE O ASFALTO. RIDÍCULOS, EM SUA INDUMENTÁRIA ORIGINAL DE CARNE E OSSO. 

QUANTOS “SÓSIA” HÁ NO MUNDO TERRENO? ALGUÉM FISICAMENTE SEMELHANTE A NÓS? CAMINHAMOS ERETOS E PREPOTENTES NO TOPO DE NOSSAS CERTEZAS, SENHORES DE NÓS. ALHEIOS À NOSSA PEQUENEZ. INSOLENTES NA GRANDIOSIDADE QUE JULGAMOS TER. HUMILDES, NA GRANDEZA DO QUE REALMENTE SOMOS. OLHOS NOS OLHOS. CAMALEÃO. IGNORÂNCIA, PREPOTÊNCIA, SUBMISSÃO. GANÂNCIA E PODER. REDENÇÃO.

DESFILAMOS NOSSAS FRAQUEZAS, ESCRAVOS DAS VERDADES E INSEGURANÇAS DE NOSSAS CONVICÇÕES. ESPELHOS DE BRUXAS. IMAGENS. PAISAGENS. DESCUBRO EM TI O QUE SOU. A VERDADE INIBE E ASSUSTA. “SOU O QUE NÃO SOU E NÃO SOU O QUE SOU”, SUSSURRA SARTRE AOS MEUS OUVIDOS. 

IMAGINO O MUNDO RETO E SEM CONTROVÉRSIAS. ENLOUQUECI? QUEM SOU? O QUE SOMOS? O TREM DA VIDA DESLIZA NOS TRILHOS DO DESCONHECIDO E DO IMPONDERÁVEL, COM ESTAÇÃO INQUESTIONÁVEL DE DESEMBARQUE PARA CADA UM DE NÓS, DENUNCIANDO PAISAGENS DE SOFRIMENTOS, ANGÚSTIAS E SOLIDÃO EM CONLUIO AMISTOSO COM OUTRAS TANTAS DE ALEGRIAS E ENCANTAMENTOS NAS VEREDAS COBIÇADAS DA FELICIDADE. 

OLHO PROFUNDA E TIMIDAMENTE O TEU OLHAR. DESCUBRO O BRILHO DE SOL DO BANDEIRANTE DESBRAVADOR AO ENTARDECER DO COVARDE QUE SE FEZ HERÓI NO DESESPERO DE SUA COVARDIA. SEMELHANTES E DIFERENTES NA EXTENSÃO CERTA DO PARADOXAL. OLHOS VERDES, AZUIS. ORELHAS DE ABANO. NARIZ DE PAPAGAIO. DEDOS LONGOS. SURDOS, CEGOS, PERNETAS, MANETAS, SANTOS, POETAS, CORRUPTOS, DIVINOS, CANALHAS E LADRÕES. FACES E FACETAS DISPERSAS NOS INCONTÁVEIS PALCOS ILUMINADOS DO TEATRO DA VIDA.

ESTAMOS ÀS VÉSPERAS DE UMA DEFINIDA ELEIÇÃO NO PAÍS, FALTANDO APENAS A CONTAGEM DOS VOTOS. NOS BASTIDORES DO SEU DESENROLAR, JÁ DEU E, CERTAMENTE, AINDA DARÁ O QUE FALAR, TRAZENDO CONSEQUÊNCIAS IMPREVISÍVEIS. AS CORTINAS SE ABRIRAM. OS ATORES REPRESENTAM O SEU PAPEL, CIRCULANDO PELOS MEANDROS DOS CANTOS E RECANTOS MAIS REMOTOS DO PAÍS, PALCO DA CARÍSSIMA PEÇA TEATRAL EXIBIDA.

CONSTATAMOS UMA BIPOLARIDADE CONTEXTUAL EXISTENTE HÁ ANOS, AOS POUCOS DESMASCARADA NO MOMENTO EM QUE O AUDITÓRIO RESOLVEU, VERDADEIRAMENTE, VOZ ATIVA, PARTICIPAR, COM APLAUSOS OU VAIAS DE MEIO PERCURSO. O PÚBLICO NÃO ACEITA A DANÇA DOS ATORES MEDÍOCRES: OS QUE ROUBAM, MAS FAZEM. APLAUDE OS QUE FAZEM, SEM ROUBAR; REPUDIA OS QUE SALTITAM FRENETICOS EM CIMA DO MURO, PRISIONEIROS DAS TORPES E INCONFESSÁVEIS CONVENIÊNCIAS DO EU; DESAFIA OS CRÁPULAS E OS DESORDEIROS DE PLANTÃO, MESTRES EM ATEAR FOGO ÀS VESTES DAS ESTRUTURAS DEMOCRÁTICAS.

O BRASIL TRANSFORMOU-SE EM EXEMPLO POPULAR MUNDIAL. O GIGANTE ACORDOU. AS MÃOS FORAM DADAS. AS RUAS EXIBIRAM UM VISUAL VERDE E AMARELO JAMAIS VISTO. O POVO MANDOU O RECADO DE QUE NÃO É MAIS REFÉM DE UMA FIGURA QUE SE TRANSFORME EM ALGO GROTESCO E PATÉTICO, MAS FARÁ VIVA A SUA VOZ, PARA QUE SEJA OUVIDO NOS QUATRO CANTOS DO PAÍS O NOME DAQUELE QUE O REPRESENTAR, ENQUANTO ASSIM O FIZER. AS ELEIÇÕES ESTÃO DEFINIDAS? VISUALMENTE, CLARO QUE SIM. TECNICAMENTE, OU DA MELHOR FORMA QUE DESEJAREM CHAMAR, SÓ DEUS SABE.

MUITO SE FALA. MUITO SE DIZ. ARBITRARIEDADES? ILEGALIDADES? CONSTITUIÇÃO RASGADA? NÃO SOU TÉCNICO NO ASSUNTO. NÃO TENHO CACIFE OU “PEDIGREE” PARA JULGAR O MÉRITO DA QUESTÃO. SOU POVO, SEM DESCUIDAR DO QUE NO MUNDO SOU, REPRESENTO E CONQUISTEI. DESAFIOS. VITÓRIAS OBTIDAS COM O SUOR DO MEU ROSTO. 

PERTENÇO À DIMINUTA PARTE DESSE MAR DE PERSONALIDADES CAPAZ DE COLORIR AS RUAS DO CONTINENTE CHAMADO BRASIL, EM MANIFESTAÇÃO CONTUNDENTE PELA SINGELEZA DEMOCRÁTICA EM AMBIENTE PACÍFICO, FAZER REVERBERAR MUNDO AFORA O SENTIMENTO DE AMOR AO BRASIL, ENCHER OS OLHOS E POVOAR OS CORAÇÕES DOS VERDADEIRAMENTE BRASILEIROS COM O ORGULHO PATRIÓTICO SUFICIENTE PARA FAZER ESTREMECER DE PAVOR OS DETRATORES DA NAÇÃO, ESTRANGEIROS DESFRALDAREM A BANDEIRA BRASILEIRA, NOSSO SÍMBOLO MAIOR, E VESTIREM CAMISAS COM NOSSAS CORES ESTAMPADAS.

O POVO BRASILEIRO, EM SUA MAIORIA ESMAGADORA, CRÊ EM UM DEUS, DESEJA A DEMOCRACIA E A LIBERDADE DE EXPRESSÃO, REPUDIANDO COM VEEMÊNCIA AS IDEOLOGIAS DE ESCRAVIDÃO DISSIMULADAS E DE REPRESSÃO. CONTRAPÕE-SE FRONTALMENTE ÀS PÍFIAS E CRIMINOSAS PROPOSTAS DE DESTRUIÇÃO DA FAMÍLIA E À EXPOSIÇÃO DE CRIANÇAS AO JUGO NEFASTO DA SANHA DE MENTES DOENTIAS E INESCRUPULOSAS. ODEIA CORRUPTOS E LADRÕES.

NAS ELEIÇÕES QUE NO PRÓXIMO DOMINGO OCORRERÃO, NÃO HAVERÁ ESPAÇOS PARA “TERCEIRAS VIAS”. OU FINCAREMOS PÉS A FAVOR DA FAMÍLIA, EM PROL DA DIGNIDADE E DO FIO DE BIGODE AVALISTA DOS TEMPOS DOS MEUS PAIS OU SUCUMBIREMOS À DESORDEM E À ESCRAVIDÃO, OFERECENDO LIBERDADE A BARRABÁS, RESTANDO SOMENTE À CARTA MAGNA CONSTITUCIONAL DEFINIR O CAMINHO A SER SEGUIDO.

NÓS, POVO BRASILEIRO, PERMANECEREMOS ATENTOS E VIGILANTES. NOSSA ESCOLHA FORMAL, OUSO REPETIR, REFLETIRÁ AS CORES VERDE, AMARELA, AZUL E BRANCA´DA NOSSA BANDEIRA, BRILHANTE EM LUZ, PARA ILUMINAR A VASTIDÃO IMENSA DO CONTINENTE CHAMADO BRASIL, SOB A PROTEÇÃO E GUARDA DO NOSSO AMADO DEUS.

Compartilhe:​

Qual sua opinião? Deixe seu comentário