Negócios

COMPARTILHE

Marisa vai pagar quem ajudar a promovê-la

Por Redação

22 Mai 2020, 18h04

Crédito: Divulgação

Marisa lançou uma plataforma de vendas online que permite a qualquer pessoa se tornar vendedora virtual da marca. A ferramenta intitulada de “Sou Sócia” foi criada para reforçar a atuação da rede de moda feminina e lingerie no e-commerce e contribuir para a geração de renda durante a crise causada pela pandemia de coronavírus.

Todo o processo ocorre de forma virtual, ancorado pelo site da Marisa. As compras podem ser realizadas através de um código do vendedor ou por uma URL personalizada com o ID do usuário, que pode ser compartilhado através das redes sociais. De acordo com a varejista, quando o cliente entrar no site pelo link personalizado, ele navega normalmente e pode comprar qualquer produto disponível virtualmente.

O vendedor da plataforma receberá uma comissão de 5% em relação ao total de vendas realizadas no mês e faturada no site. A plataforma ainda realiza todos os processos de pagamento, entrega, frete e cálculo de comissão, além de administrar toda a parte burocrática, operacional e contratual envolvida no projeto.

Movimento Volta por Cima

O projeto é uma das iniciativas do “Movimento Volta por Cima”, com foco na retomada da autoestima e da confiança da mulher e é válido para todo o país.

Para se cadastrar, é preciso ser maior de idade, ter CPF, acesso a uma conta bancária e criar um cadastro no portal “Sou Sócia Marisa”. A plataforma fará uma avaliação dos dados enviados e em até 48h o usuário receberá um e-mail com orientações para concluir sua participação no programa.

Os vendedores associados receberão treinamento feito pela Marisa sobre como vender através da plataforma, além de treinamentos de moda e tendência.

Veja Também

Negócios

Mais do que streaming de música

22 May 2020, 18h13
Negócios

Os mais poderosos marketplaces da web

22 May 2020, 17h51