Manaus, 20 de Setembro de 2018
Siga o JCAM:

Agências ganham fôlego com feriados

Por: Andréia Leite
24 Ago 2018, 12h27

Embora a crise ainda reflita em vários segmentos, o setor de turismo vai na contramão desse quadro. As agências da capital estão otimistas com um possível aumento nas vendas e trabalham com pacotes especiais para o feriado de 7 de setembro.

Andrey Lima, gerente comercial da Amazon Explorers, falou que a procura por pacotes para o período, está bem aquecida. A agência fechou todos os pacotes pro feriado que tem como principal atrativo as praias do Nordeste. Mas ainda estão fechando pacotes individuais. "Em relação ao ano passado, as vendas estão bem melhores. Estimamos um crescimento de 12%.

Em relação ao receptivo, Andrey explica que as vendas estão voltadas para pacotes que variam em torno de R$ 175 com uma taxa portuária de R$5. A agência tem fechado pacotes durante a semana inteira e a demanda tem sido grande. "Os turistas vão chegando, vão procurando opções, pacotes e vamos fechando. São pacotes para o mês inteiro de setembro", comemorou.

O proprietário da Amazonas Day Tour, Marco Dávila, aposta no crescimento de 20 a 30% para o período. A agência já está com pacotes fechados no valor de R$180, a agência criou opções diversificadas para os turistas.

Ele aproveitou para alertar sobre a pirataria que o setor de turismo enfrenta aqui no Amazonas. "O turismo só não é melhor porque existem muitas fraudes e irregularidades. Guia turístico sem cadastro e sem autorização para exercer a função, lanchas e barcos que não passam por avaliação e nem estão registrados para prestar serviços. Ele comenta também que a segurança do turista é primordial. "Como essas pessoas vão atender esse público, dar assistência, sem ter ao mínimo cuidado com regularização e normas?", questionou.

Carolina Ferreira proprietária da agência Zahara Tour, almeja um possível aumento, mas se preocupa com o valor do dólar. Ela enfatizou que os pacotes da agência são calculados de acordo com o dólar, e com o aumento da moeda a demanda fica moderada. "O dólar sempre será um medidor de vendas, isso é um fato. A oferta é grande, mas essa alta esfria consideravelmente a demanda", destacou.

Apesar da incerteza, a agência possui pacotes que variam de R$1200 a R$1300 para o Nordeste, Fernando de Noronha, com direito a quatro noites de hotel.

Nos pacotes internacionais, Miami a partir de $1000 dólares mais taxas , por pessoa, com quatro noites de hotel. Punta Cana a partir de $780 dólares mais taxas por pessoa. Além de vários pacotes que a agência oferece. Sobre a demanda e pacotes locais/receptivos ela agradece o fato do valor ser sempre tabelado e não sofrer oscilações.

Entre os pacotes turístico local ela destaca: vôos aéreos panorâmicos, passeio no encontro das águas, visita em hotéis de selva, além de turismo de pesca esportiva. Os valores variam de R$120 a R$180 por pessoa.

Com expectativa de aumento de 13 a 15%, em relação ao ano passado, a gerente comercial da Paradise turismo, Flávia Medeiros, comemora as vendas do pacote para Buenos Aires, fechado há algumas semanas, bem antes do feriado. O pacote estava saindo no valor de $ 875 dólares por pessoas em apto duplo.

"Agora estamos trabalhando com pacotes individuais de acordo com a demanda do cliente. Muita gente deixa pra comprar em cima da hora. Mas estamos com muita demanda para o nordeste, Fortaleza, especificamente.

Pacotes Amazon Explorers

Os pacotes incluem, visita aos botos,no município de Novo Airão, visitas a tribos indígenas para conheceram o ritual indígena, visita no parque ecológico Janauary e caminhada nas plataformas para conhecer a Vitória Régia.

Amazonas Day Tour

Denominado "Amazonas Total" o A Amazonas Day Tour, disponibiliza pacotes de passeios para Presidente Figueiredo ( o mais procurado) que incluem visitas a várias cachoeiras, as cavernas com formações geológicas e o complexo turístico na corredeira do Urubuí, com almoço incluído. Além de passeios em pro município de Novo Airão, para conhecer os botos, encontro das águas, Parque Ecológico do Janauary, com almoço no flutuante regado a culinária regional. E ainda visita no lago do Catalão para conhecer a criação de pirarucus.

O presidente da ABIH-AM (Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Amazonas), Roberto Bulbol, disse que o fluxo ainda está pequeno para o período, mas lembrou que em alguns hotéis da capital, já existem pacotes fechados há cerca de quatro meses. "Alguns grupos fecharam pacotes com preços diferenciados, que incluem passeios pelas cidades próximas e com diversas programações", disse.

Ele lembrou que os turistas desconhecem que dia 5 é feriado feriado estadual, é celebrada a elevação do estado à categoria de província, e esse feriado prolongado, seria um dia a mais para movimentar o turismo local.

Crescimento

Segundo Roberto Tavares presidente da Abavam ( Associação Brasileira das Agências de Viagem no Amazonas) a expectativa para o setor é que no segundo semestre o segmento apresenta um crescimento. Ele declara que o mercado tem um potencial muito grande, mas fez ressalvas.

"As tarifas aéreas caras, os valores das passagens oscilando, a determinação das regras para o despacho das bagagens, e agora pagamento para marcação de assento, inviabilizam o aquecimento do mercado. "A hotelaria trabalha com um preço acessível, porém, os valores das passagens não acompanham essa oferta. Ele espera ainda que o dólar equalize e seja o grande motivador para o crescimento do turismo.

Comentários (0)

Deixe seu Comentário