Manaus, 20 de Setembro de 2018
Siga o JCAM:

Nova casa sempre em alta

Por: Evaldo Ferreira
02 Ago 2018, 17h22

Crédito:Cesar Pinheiro
Se o país passa por dificuldades econômicas, a solução não é ficar de braços cruzados, esperando que a situação se resolva, mas procurar novas formas de investir. Foi o que fez o empresário Marcos Silva, o Marcos Calçada Alta, proprietário de um dos restaurantes mais tradicionais do Centro de Manaus, cujo nome incorporou ao seu.

        Em outubro do ano passado o Calçada Alta foi matéria do Jornal do Commercio por ter inaugurado, três meses antes, sua primeira filial. "Aqui nesse espaço havia tido um restaurante que fechara, mas o local é muito bom e nós temos o know how do Calçada Alta, então resolvemos investir na nossa primeira filial", falou, na época, Keury Simões, empresária e esposa de Marcos, até hoje à frente da casa, no Parque Dez.

        Na mesma matéria, Marcos adiantou que pretendia inaugurar uma segunda filial do Calçada Alta na Ponta Negra, e em março deste ano surgiu o Boteco do Calçada, no Container Mall Ponta Negra, um bonito espaço próximo ao shopping, que reúne outros estabelecimentos gastronômicos e possui amplo estacionamento gratuito. No empreendimento, Marcos tem a empresária Aline Roriz como sócia.

        "Foi um grande desafio inaugurar uma segunda casa em menos de um ano, mas o Calçada Alta tem nome e clientes fiéis, então não foi um risco. Foi meio louco, mas resolvi apostar, principalmente por causa do alto padrão dessa região, sem falar que é uma região carente de restaurantes de qualidade. Tudo isso eu observei antes de investir", revelou.

        "Diria que boa parte dos meus clientes aqui do Boteco, é o meu cliente de sempre, que frequentava o Calçada Alta da Costa Azevedo, mas que com a modernização dessa área da cidade, veio morar pra cá e não teve mais tempo de ir almoçar ou jantar no Centro, então eu vim atrás dele", riu.
        "É um cliente exigente. Classe A, que não se preocupa com o que vai pagar, mas com a qualidade do que vai consumir", explicou.
        De pai para filho
        "Por que Boteco do Calçada? Com a palavra boteco quisemos, e estamos conseguindo, atrair um público mais jovem, formar uma nova clientela que ainda não conhecia o cardápio do Calçada Alta que, apesar de sempre ter algo diferente (a casa do Parque Dez Mall também tem itens diferentes do Centro), nunca perdemos a essência dos pratos portugueses, à base de bacalhau", explicou.

O português Antonio Silva, nascido em Póvoa de Varzim e pai de Marcos, foi quem começou a trabalhar com comida ao abrir a lanchonete Doce Sabor, na Costa Azevedo, há mais de 30 anos. Lá ele morava com Clementina Silva, a tia Kelé, mãe de Marcos, e os filhos. "Em 1989 a lanchonete foi transformada em bar e restaurante já com o nome de Calçada Alta, porque nossa calçada era mais alta que as demais da rua. É assim até hoje. Meu pai esmerou-se em fazer um cardápio com o que há de melhor na culinária portuguesa, com destaque para os bolinhos de bacalhau como entrada e os vários pratos à base de bacalhau. Os bolinhos de bacalhau são a marca registrada do Calçada Alta", revelou.

Marcos assumiu a direção do Calçada Alta em 2015, após a morte do pai e, à medida que expande os negócios, a família vai assumindo a administração das casas. "Hoje minha filha Nathalia gerencia a casa do Centro; minha esposa Kelry, a casa do Parque Dez Mall; e agora meu filho Matheus, toma conta dessa, e nas três seguimos alguns ensinamentos de meu pai para ter sucesso nesse ramo de negócio: o primeiro é servir uma comida de primeira, que a grande maioria vá gostar; o segundo é tratar bem o cliente, com atenção e procurando atender os seus anseios. Feito isso, você nunca mais perde o cliente", garantiu.
"Outro fator que fideliza o cliente é o corpo a corpo com ele. Conversar, dar atenção. O cliente sabe que se tiver algum aborrecimento, resolverá conversando com o dono da casa. A Kelry, eu e meus filhos fazemos muito bem isso, porque sabemos que é importante", ensinou.

Bistrô aconchegante e gostoso

"Classifico essa casa como um bistrô, um ambiente aconchegante e gostoso, que serve pratos com montagens bem elaboradas. Destaco o carro-chefe: 'Camarão do Chef', acompanhado de arroz com castanha da Amazônia, purê de batata gratinada e molho de manga. No bar, entre outros drinques, temos o 'Don Tonico', em homenagem ao meu pai", disse.

O Boteco do Calçada está localizado na avenida Coronel Teixeira, no Container Mall Ponta Negra, ao lado do Posto Shell, eleito o mais bonito do Brasil.

Tem capacidade para 80 pessoas sentadas e dois ambientes: um externo e outro climatizado.

  • Funciona de terça-feira a sábado, das 17h à meia-noite; aos domingos, só para almoço, das 11h às 16h.


  • Informações: 9 9228-9424 / 9 8412-7581 / 9 8455-1937.         

    ***

    Comentários (0)

    Deixe seu Comentário