Manaus, 18 de Setembro de 2018
Siga o JCAM:

Comércio varejista começa o ano com alta nas vendas

Por: Hellen Miranda - hmiranda@jcam.com.br
13 Mar 2018, 19h31

Crédito:Walter Mendes
Em janeiro deste ano, o setor do comércio no Amazonas registrou alta no volume de vendas de 8,4% na comparação com mesmo mês de 2017. O resultado foi acima da média nacional que ficou em 3,2% no período. Em relação ao mês anterior, o comércio varejista registrou alta de 1% e acumula índice 8,2% nos últimos 12 meses. Os dados são do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), divulgados nesta terça-feira (13).

Segundo a pesquisa, o indicador (8,4%) do Amazonas ficou entre as 19 variações positivas do país, com destaque para Rondônia (18,2%), Santa Catarina (15,5%) e Roraima (14,5%).

Por outro lado, Goiás (-9,2%) figura com a taxa negativa mais elevada dentre os 27 Estados brasileiros. Quanto à participação na composição da taxa positiva do varejo, destacaram-se: Santa Catarina (15,5%), São Paulo (2,0%) e Rio Grande do Sul (7,2%).

De acordo com o IBGE, o volume do comércio varejista amazonense apresentou em janeiro alta de 1% sobre o último mês de 2017, na série com ajuste sazonal, após ter registrado queda de 0,6% em dezembro e crescimento de 3% em novembro. A média nacional foi de 0,9%. As taxas mais elevadas foram assinaladas em Roraima (8,6%); Amapá (8,4%) e Rio Grande do Norte (7,6%).

Referente ao volume de vendas do comércio ampliado, que inclui as atividades de veículos, motos, partes e peças e de material de construção o desempenho em janeiro teve variação de 14,6% em relação a igual mês de 2017. A variação acumulada dos últimos doze meses avançou 12,9% e permaneceu mostrando redução no ritmo de queda, iniciada em junho de 2017 (-2,1%).

Ainda segundo o IBGE, a receita nominal de vendas varejista do Amazonas também registrou altas na maioria dos confrontos: variação de 8% em relação ao mesmo mês do ano anterior; 2,5% frente a dezembro de 2017 e de 7,2%, nos últimos doze meses. A pesquisa revela ainda que, o acumulado no ano do comércio ampliado foi a 13,3% frente ao mês anterior e 12,5% nos últimos 12 meses.

Comentários (0)

Deixe seu Comentário