Manaus, 16 de Novembro de 2018
Siga o JCAM:

BNDES dá início a novo ciclo de palestras na FIEAM

Por: Da Redação com informações da assessoria
07 Mar 2018, 17h12

Crédito:Divulgação/Assessoria
As micro e pequenas empresas do Amazonas movimentaram um montante de R$ 57 milhões em recursos liberados pelo BNDES, em 2017. Os números foram apresentados nesta terça-feira (6), na sede da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (FIEAM), no lançamento da edição 2018 do ciclo de palestras "O BNDES Mais Perto de Você".

Direcionado às micro, pequenas e médias empresas, que buscam acesso a financiamentos para abertura e permanência nos negócios, o ciclo de palestras busca divulgar o método de atuação, os programas e linhas de financiamento do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social.

"Com a iniciativa, o BNDES demonstra interesse em direcionar a sua atuação para se aproximar mais da região Norte, em especial do Estado do Amazonas, onde a concessão de crédito deu um salto de mais de 40% em janeiro, em relação ao mesmo mês do ano passado. Ter o BNDES mais perto de todos nós é um grande estímulo à geração de emprego e renda, pela grande capilaridade do segmento das micro, pequenas e médias empresas (MPMEs) em toda a cadeia econômica", disse o 1º vice-presidente da FIEAM, Nelson Azevedo.

As liberações para micro, pequenas e médias empresas não foram destaque no desempenho do BNDES apenas no Amazonas. Em nível nacional, a participação das MPMEs no volume desembolsado pelo banco atingiu o recorde de 56% do total de R$ 3,9 bilhões liberados no mês de janeiro. De acordo com o organizador e técnico do ciclo de palestras, Alexandre Themé, as principais linhas de financiamento para empresas de menor porte são BNDES Automático, BNDES Finame, BNDES Giro e um dos mais procurados pelos empresários, o Cartão BNDES.

Themé explica que o Cartão BNDES é um produto voltado exclusivamente para MPMEs, com operações realizadas diretamente via site (www.cartaobndes.gov.br), sendo possível a compra de máquinas e equipamentos, insumos, móveis e utensílios. A instituição conta hoje com 74 mil fornecedores credenciados e 280 mil produtos cadastrados para atender a demanda das MPMEs.

"As vantagens para quem adquire o Cartão BNDES, além do limite de até R$ 2 milhões, por banco emissor, são prestações fixas em até 48 meses, taxa de juros atrativa de 1,44% a.m. (março/2018), financiamento de até 100% do valor do produto e crédito rotativo, e pré-aprovado, de uso automático", explica o coordenador.

"As aprovações de financiamento são autorizadas pelos agentes financeiros credenciados ao BNDES. Eles fazem a análise de crédito e a concessão da linha de financiamento, negociando as condições e realizando o acompanhamento da operação. O prazo médio de emissão do cartão é de 30 dias", frisa Themé.

Outra linha de financiamento que atende aos anseios das MPMEs é o BNDES Automático, sendo o mais completo de todos os produtos oferecidos, por financiar projetos de investimento, cobrindo implantação, ampliação, reforma e modernização, aquisição de máquinas e equipamentos, móveis e utensílios, treinamento de pessoal e despesas pré-operacionais. Além disso, cobre o capital de giro associado ao investimento, representando até 30% do investimento financiado. Enquanto que a própria taxa de franquia, uma franquia Nacional, também pode ser financiada pelo BNDES Automático.

Comentários (0)

Deixe seu Comentário