Manaus, 21 de Setembro de 2018
Siga o JCAM:

Um olhar sobre Manaós

Por: Evaldo Ferreira - eferreira@jcam.com.br
26 Fev 2018, 19h39

Crédito:Walter Mendes
Acontece hoje, a partir das 19h, na Galeria de Artes do Icbeu, a abertura da Mostra Coletiva de Fotografia Art Photo 18, sob o título 'Manaós, caminhos do olhar', reunindo os trabalhos de 27 fotógrafos. A exposição dará início aos eventos culturais 2018, da instituição.

Fotógrafo do Jornal do Commercio há oito anos, Walter Mendes irá expor cinco fotos mostrando alguns lugares de Manaus com a natureza degradada. Ele já participou, em 2016, da Mostra.

"Me tornei fotógrafo quase que por acaso. Diria que eu não quis a fotografia. A fotografia foi quem me quis. Eu era bancário e, um dia, resolvi comprar uma câmera de filmar, sem nenhuma ambição ou pretensão de tornar o ato de filmar, uma profissão", lembrou.

"Enquanto era bancário começaram a aparecer serviços de filmagem para eu fazer, e isso foi evoluindo. Também tenho um tio, o Francisco Mendes, hoje aposentado, que durante anos trabalhou para o governo do Estado. Os filhos dele se tornaram fotógrafos, bem como o meu irmão, aí acabei também me tornando fotógrafo, principalmente depois que saí do banco", contou.

Walter ainda trabalhou no setor de audiovisual do Senac onde editava, filmava, fotografava e produzia trabalhos para a instituição. Depois foi ser editor de imagens na TV Amazonas e no Amazonsat.

"Meu começo no fotojornalismo foi em 2000, no Diário do Amazonas, depois passei para o jornal A Crítica, e há oito anos estou no Jornal do Commercio", disse.

Além de fotografar, Walter Mendes se orgulha de ensinar os outros a fotografar. Há onze anos ele é professor de fotografia na Fundação Rede Amazônica e calcula já ter formado mais de 1.600 alunos. "A maioria dos meus alunos quer aprender fotografia por hobby, para fotografar seus momentos mais importantes, lugares, viagens; e uma pequena parcela pensa em ganhar dinheiro com isso. De vez em quando encontro algum ex-aluno fotografando profissionalmente e me alegra muito ver que estão ganhando dinheiro com isso", garantiu.

Sobre as mulheres ele lembrou. "Quando comecei na fotografia, há mais de 20 anos, praticamente não existiam mulheres fotógrafas. Elas foram surgindo devagar e hoje já podemos encontrar várias delas exercendo a profissão, ainda assim, são bem menos do que os homens. Diria que 70% dos meus alunos sempre são homens".

Os trabalhos de 27 fotógrafos

Na Mostra Coletiva de Fotografia Art Photo 18, que começa hoje, Walter vai expor cinco trabalhos. "O tema foi livre, então cada um dos 27 fotógrafos seguiu por um caminho, até mesmo devido o tema 'Manaós, caminhos do olhar'. Eu resolvi mostrar fotos com um olhar crítico sobre a situação de degradação e devastação de alguns dos belos lugares de Manaus e seu entorno. Três fotos são sobre isso. Mostram a poluição no Tarumã, no Mindú, e no igarapé do Mestre Chico. Lugares que, na minha infância, tinham suas águas limpas e onde até se podia tomar banho. A quarta foto mostra uma luminária destruída, um símbolo da destruição que as pessoas provocam em nossas praças e ambientes públicos. Uma quinta foto é aérea e mostra várias embarcações de recreio atracadas no porto da Manaus Moderna", explicou. "Sinceramente, acredito que esses lugares podem vir a ter a beleza e a limpeza que um dia tiveram, bastando apenas boa vontade de nossos governantes", avisou.

"Como profissional da fotografia, tenho que alertar as pessoas sobre os problemas enfrentados pela cidade. Isso é um compromisso que assumi: mostrar, principalmente, a devastação e a degradação de ambientes através de minhas imagens", falou.

"Quanto à iniciativa do Icbeu em organizar essa Mostra todos os anos, é muito importante porque valoriza os fotógrafos, inclusive artistas, sim, porque vários fotógrafos produzem suas fotos como uma forma de arte. A mostra privilegia não só amazonenses, mas os que aqui vivem e desenvolvem seus trabalhos", lembrou.

O QUE?
Abertura da Mostra Coletiva de Fotografia Art Photo 18: 'Manaós, caminhos do olhar'

QUANDO?
Terça-feira (27), a partir das 19h. A Mostra permanecerá até 13 de abril

ONDE?
Galeria de Artes do Icbeu (Instituto Cultural Brasil Estados Unidos), av. Joaquim Nabuco, 1286, centro

Fotógrafos:

Alberto Cesar, Amanda Santos, Anderson Yamada, Carlos Navarro, Christian Braga, Dani Cruz, Elias Moraes, Eliúde Santana, Ellen Gato, Chico Lima, Francisco Tote, Gisele Alfaia, Gisele Gomes, Jorge Herrán, Luiz Salama, Michell Mello, Paulo Mesquita, Raphael Alves, Rodrigo Tomzhinsky, Rômulo Trindade, Ruth Jucá, Sara Rangel, Selma Maia, Sérgio Corrêa, Thammy Athayde, Uatumã Rocha e Walter Mendes.

Comentários (0)

Deixe seu Comentário