Manaus, 14 de Novembro de 2018
Siga o JCAM:

Lar das Marias oferece café solidário

Por: Evaldo Ferreira - eferreira@jcam.com.br
15 Dez 2017, 17h49

Crédito:Walter Mendes
Dezembro é o mês esperado por muitas pessoas para realizar boas ações, mas existem outras que fazem das boas ações uma rotina de suas vidas. É o caso das nove mulheres, e das dezenas de voluntários que as apoiam, responsáveis pela administração do Lar das Marias (Associação de Apoio às Mulheres Portadoras de Câncer), casa que acolhe mulheres que chegam com câncer, do interior do Estado, e não têm onde ficar em Manaus. A entidade presta auxílio a pacientes oncológicas em situação de vulnerabilidade, que buscam tratamento especializado na FCecon (Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas).
O Lar das Marias foi idealizado há onze anos pela oncologista Adelaide Machado Portela e pela pedagoga Maria Luiza Soares, até hoje presidente e vice-presidente da casa. "Adelaide ficava angustiada em ver suas pacientes na Fundação Cecon, chegadas do interior, virem em busca de tratamento e não terem um mínimo de apoio na capital, um local para ficar, alimentação, então, junto com a Maria Luiza, resolveram criar o Lar das Marias. Desde então muita gente tem surgido para apoiar a causa", contou a assistente social Gláucia Souza.
Nesses onze anos de existência, mais de 1.500 mulheres já passaram pela casa. "Atualmente 17 estão hospedadas aqui, sendo dez pacientes e sete acompanhantes. Um dos critérios que adotamos é que as pacientes tragam uma acompanhante, pois como somos uma instituição que funciona com voluntários, quanto mais a família puder nos apoiar, melhor", disse.

Diariamente doadores

"Desde o começo sempre mantivemos a casa com as doações recebidas. E nunca nos faltou nada. Entre os voluntários, muitos são enviados pela Vemepa (Vara de Execuções de Medidas e Penas Alternativas). A Seas (Secretaria de Assistência Social) banca 70% dos nossos custos, como os salários de alguns funcionários. Temos uma infinidade de doadores anônimos e o proprietário da rede de supermercados Atack é o nosso maior apoiador", falou. "Diariamente temos pessoas aqui, doando alguma coisa, de alimentos a material de limpeza e higiene", completou.
"Além dos apoiadores, também realizamos duas atividades que nos dão retorno financeiro bastante satisfatório: o 'breshop' e a feira de artesanatos. O 'breshop' é um espaço aqui na casa onde vendemos roupas e acessórios que nos são doados. Todo o material é selecionado e organizado e vendido bem barato. Já a feira de artesanatos acontece sempre durante os nossos eventos, como os cafés da manhã. Os artesanatos são confeccionados por cerca de 25 empresárias, médicas, assistentes sociais e aposentadas, entre outras profissionais, que disponibilizam parte de seu tempo produzindo esse material, depois vendido durante os eventos. Tudo com recursos próprios. Na feira, que acontecerá no próximo café da manhã do domingo (17), todas as peças terão motivos natalinos", adiantou.

De interiores distantes

As mulheres que chegam ao Lar das Marias para serem tratadas vêm dos interiores mais distantes do Amazonas, e até de outros Estados. "Sim, recebemos aqui mulheres do Pará, de Roraima, que precisam ficar na casa por meses, se for preciso. Elas chegam super debilitadas, porque como vivem em comunidades fora das sedes dos municípios, estão distante de tudo, então não sabem nem do problema que têm. Temos uma paciente aqui que mora numa comunidade no interior de Barreirinha onde só existem três casas", explicou.
"90% das pacientes apresentam câncer no útero, depois vem o de mama e, em terceiro, os restantes", listou. "E lutam desesperadamente para viver. Recentemente realizamos os primeiros casamentos na casa, de uma paciente que está conosco há cinco anos e de outra que está há nove. Já viviam com seus parceiros, mas não eram casadas. Uma é do Manaquiri e outra de Nova Olinda do Norte. Fizemos uma festa para 150 pessoas, inclusive os parentes dos casais que vieram do interior. E não gastamos nada. Foi tudo patrocinado pelos nossos apoiadores, dos comes e bebes aos vestidos das noivas", exultou.
Mais um café

No próximo domingo (17), o Lar das Marias realizará mais um dos seus já tradicionais cafés da manhã regionais solidários, na Paróquia Nossa Senhora Rainha dos Apóstolos, no Dom Pedro I. Os ingressos estão à venda na sede da entidade, localizada na rua Wenceslau Brás, no mesmo bairro, ao custo de R$ 15. O valor arrecadado será aplicado nas ações sociais desenvolvidas pelo Lar. Doações de valores para ajudar na manutenção da casa, alimentos não perecíveis, produtos de higiene pessoal e limpeza, também são bem vindos.

Os dados bancários para transferências são: Bradesco - ag: 2239-9, c/c: 25786-9 e Banco Sicoob - ag: 3352-9, c/c: 259-3. Mais informações podem ser obtidas através do telefone 98409-4618.

Comentários (0)

Deixe seu Comentário