Manaus, 16 de Novembro de 2018
Siga o JCAM:

Temporada de Cruzeiros deve movimentar a economia do Estado

Por: Jefter Guerra jguerra@jcam.com.br
21 Set 2017, 17h52

Crédito:Walter Mendes
A temporada 2017/2018 deve injetar pelo menos R$ 40 milhões na economia local, principalmente nos municípios de Parintins que os que formam a região metropolitana de Manaus, a informação é da Gerência de Registro e Fiscalização (GRF) da Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonas), a

Para a presidente da Empresa Estadual de Turismo (Amazonastur), "as temporadas de cruzeiros são sempre um período muito importante do ano não apenas para o turismo, mas também, para outros setores, como a economia principalmente. Além, de ser uma oportunidade em apresentar à população estrangeira, o que temos de melhor em relação à cultura, gastronomia e recursos naturais", afirmou Oreni Braga.

Dos 18 navios que virão a Manaus durante a Temporada de Cruzeiros 2017 até maio de 2018, cinco deles nunca aportaram a capital. Essa informação é do diretor de turismo da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult) João Araújo.

Nesta sexta-feira (22), o primeiro a aportar, será o navio M/S Astoria. "Esta será a primeira vez que o navio passará pela capital trazendo a bordo, aproximadamente, 570 pessoas, entre turistas e tripulação", afirma Araújo.

O M/S Astoria é proveniente de Marselha, na França, e chegará na cidade às 13h30 e permanecerá até as 17h30 do dia 23/9, quando seguirá para Point-a-Pitre, Guadalupe e Caribe.

Além do Ms/Astoria, os navios M/S Viking Sea, M/S Viking Sky, M/S Albatros, M/S Silver Muse e M/S Bremen também visitarão Manaus pela primeira vez.

"Na ocasião das chegadas dos navios serão prestadas orientações e distribuídos guias bilíngues e artesanato indígena por agentes dos Centros de Atendimento ao Turista (CATs). E o importante é que a cada nova temporada gera boas expectativas e e visibilidade para a nossa cidade.", salienta.

A grande maioria dos cruzeiros vêm do caribe. "Alguns fazem a volta ao mundo e alguns poucos vem de um ou outro país da Europa. E o idioma predominante em todos os tripulantes é o inglês", finaliza o diretor.


Última temporada
Na última Temporada de Cruzeiros, que iniciou em novembro de 2016 e encerrou em maio deste ano, trouxe 20 embarcações com quase 24 mil turistas. Para este ano, é previsto um decréscimo de 13,23% no fluxo de turistas, devido a substituição das maiores embarcações por navios de menor capacidade, que incluem o Amazonas como ponto de parada em seus roteiros de viagem.

A recepção dos turistas que visitarem a capital, será feita pela Manauscult em parceria com a Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur) e Polícia Militar do Amazonas.

Comentários (0)

Deixe seu Comentário