Manaus, 19 de Novembro de 2018
Siga o JCAM:

Segurança será reforçada durante o pleito deste domingo

Por: Hellen Miranda e Assessoria
24 Ago 2017, 17h53

Crédito:Divulgação/Assessoria
Neste domingo (27), mais de 2,3 milhões de eleitores amazonenses devem voltar às urnas para escolher o novo governador do estado e para garantir a segurança, cerca de 10 mil servidores devem atuar durante o 2º turno do pleito eleitoral. A operação envolve servidores dos órgãos do SSP (Sistema de Segurança Pública do Amazonas), Forças Armadas e de órgãos federais, estaduais e municipais. Além do efetivo, serão utilizadas câmeras para o monitoramento no dia, coordenado pelo CICC-AM (Centro Integrado de Comando e Controle do Amazonas).

Assim como no primeiro turno, o Plano Tático Integrado de Segurança, validado pelo TRE-AM (Tribunal Regional Eleitoral), e coordenado pela SSP permanece o mesmo no segundo. Conforme a secretaria, no último dia 6 de agosto não foram registradas ocorrências graves nos locais de interesse. Ainda de acordo com o órgão, a finalidade do emprego dos servidores é coibir crimes eleitorais e manter a segurança e a ordem nos locais de votação na capital e em todos os municípios amazonenses.


Suporte
No dia 27, também serão utilizadas 284 câmeras para o monitoramento do pleito eleitoral, sendo 272 delas em Manaus e mais 12 em Presidente Figueiredo, coordenado no CICC-AM. Nos demais municípios, o CICC atuará com o modelo de Cicop (Célula Integrada de Coordenação Operacional), que contará com representantes das Polícias Civil e Militar e do TRE-AM.

Ao todo, mais de 2 mil policiais militares devem atuar no Estado em regime de plantão nas delegacias de Manaus e interior amazonense, com o reforço de delegados, escrivãs e policiais civis.

Além da SSP-AM, Polícias Civil e Militar do Amazonas, o Corpo de Bombeiros do Amazonas, Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM), a Polícia Federal, Exército Brasileiro, Marinha do Brasil e Força Aérea Brasileira, Manaustrans, Conselhos Tutelares e demais órgãos estaduais e municipais também participam da equipe que atuarão no dia das eleições no Amazonas.

Reunião
Com o intuito de alinhar procedimentos conjuntos no 2º turno do pleito suplementar, o presidente do TRE-AM, desembargador Yedo Simões, esteve reunido nesta manhã (24), com representantes da Polícia Militar e das Forças Armadas. Segundo o presidente do tribunal, as forças de segurança sempre colaboraram para a lisura do processo eleitoral. "Estamos trabalhando para que tenhamos, a exemplo do primeiro, eleições limpas, seguras e transparentes. Contamos com a competência da PM, da Marinha, do Exército e da Aeronáutica, para fazer valer a decisão dos eleitores", disse Yedo Simões.

Comentários (0)

Deixe seu Comentário