Manaus, 22 de Setembro de 2018
Siga o JCAM:

Indústria teve perdas em 2015, no Amazonas

Por: Priscila Caldas pcaldas@jcam.com.br
28 Jun 2017, 18h46

Crédito:Walter Mendes
A indústria amazonense teve perdas no número de unidades, na mão de obra e no valor bruto da produção referente a 2015. Os resultados foram compilados pela (PIA) Pesquisa Anual da Indústria do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), divulgada nesta quarta-feira (28) pelo órgão.

Conforme a pesquisa, em 2015 o PIM (Polo Industrial de Manaus) registrou 1.199 unidades industriais no parque fabril, número 4% menor que o contabilizado no ano anterior, quando o polo contava com 1249 empresas. Houve perda de 50 fábricas.

O maior índice de retração foi no setor de mão de obra. Em 2015 as indústrias mantinham 104.499 trabalhadores. Enquanto em 2014 o número chegou a 129.381 pessoas ocupadas. Houve redução de 24.882 postos de trabalho, com variação negativa de 19,23%. O volume de salários pagos também sofreu redução de 2,3%.

Conforme o IBGE, a menor produção industrial refletiu na diminuição da receita líquida de vendas em 7,9%, o que em termos absolutos representou a redução de 7,4 milhões no faturamento da indústria. Outras receitas da indústria também tiveram retração nos resultados como o valor bruto da produção que teve diminuição de 3,7 milhões, o que representou queda de 4,5% nos números em relação a 2014. Também mantiveram queda no desempenho o custo das operações industriais (-7,9%) e o valor da transformação industrial (-0,02%).

Comentários (0)

Deixe seu Comentário