Manaus, 20 de Setembro de 2018
Siga o JCAM:

App chega para movimentar eventos

Por: Jefter Guerra jguerra@jcam.com.br
03 Abr 2017, 19h17

Se você já organizou um encontro entre amigos, familiares ou colegas de trabalho e ficou encarregado(a) de coletar os recursos, vai gostar dessa novidade. O site Partyou (em breve app também) o ajudará a organizar eventos não profissionais sem se preocupar em levar calotes e perder dinheiro e amizades. O site Partyou funciona de forma completa em www.partyou.com.br.

Os eventos não profissionais podem ser encontros pessoais de diversos tipos, tais como: Aniversários, Artes, Casamentos, Causas, Chá de bebê, Churrasco, Confraternização de empresas, Despedidas, Datas Comemorativas, Esportes, Festas, Formaturas, Nascimentos, Aluguel da Chácara ou Casa de Veraneio, Presentes Coletivos, Projetos, Solidariedade, Viagens, Gasolina da Carona e etc. E quem explica melhor a vantagem desse app é um dos sócios do site Partyou, o CEO Otávio Dutra. Segundo o empresário, a ferramenta é o controle que o organizador tem dos pagamentos. "Ele passa a conseguir acompanhar em um só lugar, todos os que pagaram e principalmente os que não pagaram pelo evento e cobrá-los de forma impessoal pela plataforma, evitando constrangimentos. E as transações de dinheiro são feitas via cartão em ambiente certificado PCI (certificado máximo de segurança digital de pagamentos) que garante ao usuário o máximo de segurança nas transações. O valor da transação é para cobrir os custos da transação via cartão de crédito".

O app tem a função de auxiliar as pessoas a receberem pagamentos de um grupo. "Somos uma ferramenta que ajuda aquele amigo que resolve tudo para que o evento aconteça e ainda leva o prejuízo de um eventual calote, queremos evitar que esse calote exista", garante o CEO.

Dutra informa ainda que o organizador também pode acompanhar em uma lista completa dos convidados quais pagaram e não pagaram, ficando tudo muito visual. "Como está tudo ligado ao cartão, no evento de uma compra parcelada a cobrança é feita de forma automática, e portanto o organizador não precisa se preocupar com isso, pois, em pouco s cliques é possível receber valores, pagando taxas melhores do que as oferecidas por transferências bancárias. Eventos não profissionais é o foco desta plataforma", afirma ele. "Os pagamentos digitais entre pessoas é uma tendência mundial com Venmo e Tilt como referências importantes no Brasil é uma questão de tempo até isso se espalhar. A Partyou tenta, nesse primeiro momento, dar acesso a receber no cartão quando há engajamento em organizar e arrecadar para algo, isso tende a evoluir e queremos fazer cada vez mais parte do dia a dia das pessoas", finaliza o CEO.

A todos os públicos
O app é direcionado a todos os públicos que precisam organizar rapidamente eventos e que não querem se perder com as finanças, ter a 'dor de cabeça' de recolher dinheiro, se preocupar com o troco e andar com aquela folha de papel cobrando os colegas. Para solucionar esse contratempo, o Partyou deixa mais simples e prático ir à comemoração da sua formatura, fazer viagem com os amigos ou com a família, até realizar uma vaquinha para o presente "surpresa" ou para ir as compras para aquele churrasco.

Outras vantagens do APP
Transferências e Arredondamentos - O usuário responsável por criar o evento arcará com a taxa de R$ 0,69 + 2,5% sobre o valor pago, por transação realizada. Ou seja, transferir dinheiro (até R$ 120) por essa solução tecnológica fica mais barato do que transferir recursos via TED/DOC bancário. Os valores pagos são repassados para a conta corrente do organizador. E se precisar pagar centavos, o sistema faz o arredondamento do valor de R$ 27,82 para R$ 30,00, por exemplo, evitando o transtorno de 'arrumar' troco.

Lembrete sem stress
O aplicativo também irá disparar avisos para quem ainda não efetuou o pagamento dentro de um determinado prazo. Assim, o organizador também fica livre de chateação e do constrangimento de cobrar os colegas e sabe exatamente quantas pessoas vão estar presentes no evento, sem precisar confirmar a todo momento pelo Facebook e WhatsApp e, assim, pode planejar as compras na quantidade correta.

Como funciona?
Tudo é muito simples. Basta acessar que o organizador se cadastra na ferramenta e convida os amigos que irão participar da atividade por e-mail, WhatsApp, Facebook, Trello, Ever Note. Recebido o convite, os amigos entram na aplicação e já encontram tudo especificado e com o valor que devem pagar. O pagamento pode ser realizado por cartão de crédito e parcelado em até 2x. Brevemente será oferecida a função de boleto bancário.

Sobre a empresa
Formada por especialistas em desenvolvimento de tecnologias, marketing, finanças e eventos a Partyou é uma startup criada em 2016, com plataforma que leva o nome da empresa. Otávio Dutra (CEO), Thaís Mellone (CFO) e Leandro Souza (CTO) estão à frente das soluções tecnológicas que facilitam a vida das pessoas. "A empresa surgiu da dor de cabeça que passamos. Depois de vários prejuízos em churrascos, viagens e outras atividades, nós decidimos encontrar uma maneira mais prática de nos organizarmos melhor. O que não imaginávamos era a quantidade de atividades e pessoas que poderiam ser impactadas por esta solução prática. Um enorme mercado em expansão", lembra Dutra.

Hoje a PARTYOU é uma ferramenta Web 100% funcional já, com uma estrutura muito próxima de um APP. O aplicativo nativo pra Android fica pronto esse mês (abril) e o IOS logo em seguida no começo de maio. O site foi lançado em meados de janeiro e já tem quase 500 usuários ativos e mais de 40 eventos com arrecadação.

"Tivemos muitos eventos diferentes na PARTYOU, os maiores volumes financeiros vem dos formandos que desejam se organizar melhor na hora de repassar os convites aos seus amigos, atendemos formandos da FEA USP, Medicina Jundiaí, e outras. Contudo a natureza do produto permite que ele seja usado em muitas situações e temos visto muitas partidas de futebol sendo organizadas arrecadando para pagar a quadra, churrascos entre amigos e viagens em grupo", finaliza Dutra.

Comentários (0)

Deixe seu Comentário