Opinião

COMPARTILHE

Wilson controla a Assembleia

Por Redação

09 Out 2019, 07h39

Crédito: Divulgação

O governador Wilson Lima (PSC) mostrou de forma clara e definitiva esta semana que conseguiu “domar” a Assembleia Legislativa, isolando a oposição, hoje restrita a três deputados: Wilker Barreto (Podemos), Dermilson Chagas (Progressistas) e Serafim Corrêa (PSB). Ao pedir carta branca para fazer a reforma administrativa, ele conseguiu 19 dos 21 votos dos deputados presentes em plenário. Terá até o dia 31 de janeiro para extinguir órgãos públicos, realocar servidores e remanejar orçamentos como quiser. Já definiu que reduzirá de 25 para 20 as secretarias do Estado. E ainda calcula o tamanho da economia, que não deve ser enorme, mas vai lhe entregar uma máquina bem mais enxuta e eficiente, segundo garantem os técnicos. O novo momento na relação com os deputados o governador pode agradecer ao seu vice, Carlos Almeida (PRTB ). Foi ele quem chamou um a um os integrantes da base, negociou, acomodou situações e entregou uma sustentação homogênea ao Governo.

ATROPELOS

O rumoroso caso que envolveu a morte do engenheiro Flávio Rodrigues dos Santos mostrou que nem sempre Polícia e Justiça falam a mesma língua. Delegados garantem que pediram a prisão de todos os envolvidos, mas os juízes precisaram de duas decisões para mandar prender os seis suspeitos. Seja como for, a confusão é grande e terá repercussões.

COMEMORAÇÃO

Centenas de pessoas saíram às ruas para comemorar a soltura do prefeito de Coari, Adail Pinheiro Filho (Progressistas). Teve carreata e foguetório. Os adversários protestaram ateando fogo em um terreno baldio. Frase que mais se ouviu ontem em Manaus depois das manifestações na Cidade do Gás: “o povo tem os governantes que merece”.

SOLTOS

Mais uma liminar exarada ontem de dentro do Superior Tribunal de Justiça mandou soltar os outros três envolvidos nos desvios em Coari: o presidente da Câmara, Keiton Pinheiro (Progressistas), o empresário Alexsuel Rodrigues e o sargento PM Fernando Lima. Aí a festa do grupo ficou completa, enquanto aos adversários e a quem luta pelo fim da corrupção resta lamentar.

VAI MUDAR

A Secretaria de Estado de Saúde iniciou o processo de transição de gestão do Hospital Universitário Francisca Mendes. O secretário estadual de Saúde, Rodrigo Tobias de Sousa, esteve na unidade onde apresentou a Comissão de Transição, formada por servidores efetivos, sendo três da Susam e três do Hospital Francisca Mendes. O grupo vai atuar dentro da unidade no período que antecede o fim do contrato com a Fundação de Apoio Institucional Rio Solimões.

TEMPO REAL

Falando em saúde, a plataforma “Informa Saúde”, um sistema de monitoramento das ocorrências nas unidades estaduais, iniciou a sua implantação nesta semana na capital. O abastecimento e as intercorrências que interrompem o fluxo de atendimento serão cadastradas com o acompanhamento em tempo real.

GRATUITO

De 9 a 13 de outubro, o público amazonense tem encontro marcado com a 14ª edição do Festival de Teatro da Amazônia, com espetáculos no Teatro Amazonas e Casarão de Ideias. Realizado pela Federação de Teatro do Amazonas, o evento tem entrada gratuita.

CASO DE SUCESSO

O presidente da Companhia de Desenvolvimento do Estado do Amazonas, Aluizio Barbosa, vai abrir o primeiro painel de exposições técnicas do Seminário de Saneamento Básico do Amazonas mostrando como o Governo do Estado, por meio da Companhia, conseguiu destravar mais de R$ 170 milhões em recursos do Governo Federal para saneamento que existem na Fundação Nacional de Saúde e não estavam sendo usados. 

TERRENOS

Tecnologias no cultivo de citros e variedades adaptadas ao clima do Amazonas e de alta produtividade estão entre os temas abordados no Seminário de Citricultura realizado pelo Sistema Sepror em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária. O evento faz parte das atividades realizadas durante a 41ª Exposição Agropecuária do Amazonas.

FRASES

“Quero conhecer para poder defender.” André Janones (Avante/MG), deputado federal que passa dias em Manaus preparando-se para defender a Zona Franca na reforma tributária

“Ele vai ser campeão de votos." Átila Lins (Progressistas), deputado federal, ao filiar em seu partido o prefeito de Rio Preto da Eva, Anderson Souza, que responde a vários processos por corrupção

Veja Também

Frente & Perfil

Advogada do caso Flávio desabafa

09 Oct 2019, 07h44
Frente & Perfil

Um caso político/policial

09 Oct 2019, 07h32