Opinião

COMPARTILHE

Wilson Lima testa jogo de cintura

Por Redação

06 Fev 2019, 09h53

Crédito: Diego Peres/Secom

Com pouco mais de um mês de Governo, o governador Wilson Lima (PSC) comprou brigas que colocaram categorias profissionais e correntes políticas em rota de colisão com ele. Médicos e enfermeiros criticam abertamente o governo e políticos que não estão sendo atendidos começam a mexer suas colheres nos bastidores da Assembleia Legislativa e em Brasília. São muitas frentes para uma gestão tão recente. 

Analistas atentos apontam a necessidade de o chefe do Executivo ter mais aliados nas trincheiras em sua defesa. Para eles,o governador precisa fazer valer a força dos seus aliados. O início dos trabalhos legislativos na Assembleia é uma boa chance para aumentar o Exército em defesa do governo que aposta numa nova forma de fazer política. Para alguns analistas, porém, tudo isso decorre do fato de Lima mexer com o status quo do poder.

ESCUDEIRO

Na leitura de sua mensagem anual ontem na Assembleia Legislativa o governador não teve problemas. Encontrou um ambiente favorável, principalmente por causa da atuação do presidente da Casa, o deputado Josué Neto (PSD), que atuou como escudeiro e evitou manifestações desfavoráveis ao mandatário.

NOVATO

Aliás, o governador optou por um deputado novato para ser seu líder na Assembleia Legislativa. O deputado Carlinhos Bessa (PV), de apenas 34 anos, foi o escolhido. Ele é irmão do prefeito de Tefé, Normando Bessa (PMN) e o fato de não fazer muitos pedidos a Lima teria sido fundamental para a opção.

PRESTÍGIO

O senador Omar Aziz (PSD) deve assumir a presidência da Secretaria de Economia e Finanças do Senado, a segunda mais importante da Casa. Trata-se ainda de louros que ele está colhendo, por causa de seu apoio à eleição do colega Davi Alcolumbre (DEM) para a presidência.

ACORDO

O Governo Federal e o Estado do Amazonas, por meio da Secretaria de Patrimônio da União e da Secretaria de Política Fundiária, respectivamente, vão assinar, hoje, um Acordo de Cooperação Técnica, que vai permitir a regularização de terras de comunidades tradicionais em unidades de conservação ambiental federais situadas no território amazonense.

AVE RARA

A Polícia Militar regatou uma ave silvestre, conhecida como frango-d’água-azul, no Parque das Nações, zona Norte de Manaus. Uma mulher de 29 anos, que acionou a PM, estava resguardando a ave, cujo nome científico é Porphyrio martinicus. Curiosamente, foi o gato da casa que capturou a ave, que foi entregue aos policiais com um pequeno ferimento na altura do pescoço.

MICOLOGIA

Com temáticas relevantes e atuais da área de micologia e programação diversificada refletindo a megadiversidade dos fungos e dos ecossistemas amazônicos, será realizado em Manaus o IX Congresso Brasileiro de Micologia. O evento ocorre no período de 24 a 27 de junho, no Centro de Convenções do Amazonas – Vasco Vasques, bairro Flores, zona centro-sul de Manaus.

BOA FORMAÇÃO

Um total 284 alunos de oito colégios militares da Polícia Militar em Manaus foram aprovados em vestibulares de universidades públicas no Amazonas, em outras capitais e até fora do país. Muitos dos alunos foram aprovados em posições de destaque em cursos da Universidade Federal do Amazonas e da Universidade do Estado do Amazonas (UEA). Medicina, Direito, Odontologia, Ciências Contábeis e Arquitetura e Urbanismo são alguns desses cursos.

DESTAQUE

A defensora pública e corregedora-geral da Defensoria Pública do Estado do Amazonas, Melissa Credie Borborema, tomou posse ontem como primeira secretária da diretoria do Conselho Nacional dos Corregedores Gerais das Defensorias Públicas dos Estados, do Distrito Federal e da União, em São Paulo. A posse foi realizada durante a 36ª Reunião Ordinária do Conselho, na sede da Defensoria Pública de São Paulo.

FRASES

Não vamos deixar nossos fornecedores a ver navios”, Carlos Almeida (PRTB), vice-governador e secretário de Saúde

Temos que mudar o Orçamento para garantir o dinheiro que vai pagar os atrasados da saúde”, Alessandra Campelo (MDB), deputada estadual

Veja Também

Frente & Perfil

Primeira grande guerra

05 Feb 2019, 10h24