COMPARTILHE

SENAI/AM desenvolve 17 turmas no ensino técnico

xxxxx

Por Jornal do Commercio

14 Jul 2015

 

O curso técnico em Mecatrônica, ministrado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI/AM), atraiu Larissa Silva, 17 anos, que está no segundo módulo da habilitação profissional na Escola SENAI Antônio Simões, e para quem o curso é importante para a sua iniciação profissional.
“Escolhi o curso para profissionalizar meu nível de escolaridade e, principalmente, para buscar oportunidades profissionais. O bom do SENAI/AM é que aqui temos acesso ao alinhamento da teoria com a prática, saímos daqui com a noção exata do que iremos encontrar lá fora”, explica a estudante.
Segundo o gerente da escola, José Nabir, o curso de Mecatrônica é o mais procurado dentre os cursos técnicos do SENAI/AM. O curso é vencedor na Olimpíada do Conhecimento Nacional, maior competição de educação profissional das Américas, com medalhas de prata em 2012 e 2014. Desenvolvido em 1.200 horas, o curso contempla conhecimento tecnológico em três módulos. Dentre as habilidades estão: mecânica, lógica, programação, robótica, informática, telecomunicações e eletroeletrônica.
A Escola SENAI Antônio Simões desenvolve 17 turmas, com total de 425 alunos, divididas em nove cursos de habilitação técnica. Atualmente seis turmas estão na reta final, com formatura prevista para outubro, novembro e dezembro deste ano.
Cerca de 20 alunos vão se formar em dezembro em Eletroeletrônica. Para o aluno Adson Mourão, 29, as habilidades já adquiridas durante o curso vão ajudá-lo na inclusão mais rápida no mercado de trabalho, graças ao alto nível de aprendizado proporcionado pelas aulas nos laboratórios.
“Ainda nesse mês começo o meu estágio com objetivo de contratação, e sei que as aulas no laboratório vão fazer toda a diferença, pois as aulas práticas são focadas na indústria, então sairei daqui pronto”, disse Mourão.
O Instrutor Silvano Batista falou que o laboratório de automação e mecatrônica atende os alunos na disciplina prática de manufatura integrada, implantando habilidades reais do mercado. “Esse laboratório simula ao aluno a prática da união da parte de robótica com a atualização de processos por meio de um exemplo de linha de produção”, ressaltou o instrutor.
Paulo Santiago, 22 anos, egresso do curso técnico em Automação Industrial pelo SENAI/AM, e medalha de prata na Olimpíada do Conhecimento, hoje é instrutor técnico na instituição. Destaca o docente que o crescimento profissional muito depende da metodologia aplicada durante o curso técnico. “A diferença é o acesso facilitado à informação e prática”, contou Santiago.
O SENAI/AM oferece cursos técnicos em Mecânica, Administração, Mecatrônica, Redes de Computadores, Informática, Automação Industrial, Eletroeletrônica, Mecânica de Refrigeração e Climatização, Manutenção e Suporte em Informática e Sistemas a Gás.
A Escola SENAI Waldemiro Lustoza ministra o curso técnico em Mecânica, com carga horária de 1.280 horas. O curso habilita na área tecnológica de Metalmecânica. As competências teóricas e práticas adquiridas no curso abrangem fundamentos em Mecânica, Desenho Mecânico, Tecnologia Mecânica, Processos de Fabricação Convencional, dentre outros. O curso é realizado por meio de quatro módulos, mais estágio de 400 horas.

Veja Também