Opinião

COMPARTILHE

Economia em recuperação

Por Redação

30 Ago 2019, 08h44

Crédito: Divulgação

Com a aprovação ontem da pauta da 281ª reunião, o Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas já captou investimentos de R$ 2,796 bilhões distribuídos por 118 projetos industriais aprovados neste ano. A previsão é de geração de 4.115 vagas de trabalho quando os projetos estiverem efetivamente implantados, um período de até três anos. De acordo com balanço da Secretaria de Estado de Planejamento, Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Seplancti), do total de recursos apurados em 2019, R$ 1,845 bilhão são de projetos de produção de bens finais, enquanto R$ 941 milhões foram aplicados em bens intermediários (componentes). Segundo o secretário de Estado de Planejamento Jório Veiga, tão importante quando o volume de recursos captados pelo Estado é a perspectiva de  expansão da base de atividade econômica no polo industrial, uma política definida pelo Governo Wilson Lima. Atualmente, há projetos em estudos para a produção de equipamento e sistemas de energia solar fotovoltaica, um setor que deve ganhar o mercado nos próximos anos, exemplificou o secretário.

EMPREGOS

A Secretaria de Estado do Trabalho ofertou para a população cerca de 5.341 oportunidades de trabalho, de janeiro a julho deste ano, representando um aumento de 92,54%, comparado ao mesmo período do ano passado.  Tal resultado, segundo a secretária da Setrab, Neila Azrak, foi possível com o resgate da confiança de empresários e associações nos serviços da secretaria. 

EMPREENDEDORISMO

No Amazonas, o Programa Centelha, realizado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas, em parceria com a Financiadora de Inovação e Pesquisa, visa  estimular a criação de empreendimentos inovadores e disseminar a cultura empreendedora no estado, oferecendo capacitações, recursos financeiros e suporte para transformar ideias em negócios de sucesso. Com investimento na ordem de R$ 1.820.000,00 (um milhão oitocentos e vinte mil reais), os recursos disponibilizados serão destinados à subvenção econômica (recursos não reembolsáveis) de até 28 projetos de inovação, no valor unitário de até R$ 65.000,00 (sessenta e cinco mil reais).

CIDADÃ

Arquiteta e urbanista por formação, a presidente do Fundo Manaus Solidária, a primeira-dama de Manaus, Elisabeth Valeiko Ribeiro, será homenageada pela Assembleia Legislativa do Amazonas com o título de “Cidadã do Amazonas”. Carioca de nascimento, Elisabeth adotou o Amazonas como sua terra há mais de 20 anos, constituindo família e contribuindo para a melhoria da qualidade de vida das pessoas, especialmente, por meio das ações desenvolvidas pelo Fundo Manaus Solidária.  

JULGAMENTO

O deputado Wilker Barreto anunciou que a Ação Direta de Inconstitucionalidade que barra uma nova forma de cobrança tributária na energia elétrica, será julgada na próxima terça-feira (3), no Tribunal de Justiça do Amazonas. A ação, proposta pelo parlamentar e protocolada em maio, tem o objetivo de anular o Decreto Estadual 40.628 do Governo, que passou a incluir o Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços diretamente na conta do consumidor, deixando 10% mais caro.

AVANÇANDO

Sobre as obras de revitalização do sistema viário do Distrito Industrial, o superintendente da Suframa, Alfredo Menezes, informou que o governo federal liberou R$ 12 milhões para a atual fase, mesmo com os anunciados cortes e reduções de custos até o final do ano. Ontem ele se reuniu com o prefeito Arthur Virgílio Neto (PSDB) para alinhamento dos trabalhos.

EM QUEDA

De janeiro a julho de 2019, a Secretaria de Segurança Pública registrou uma queda de 11,3% no número de roubos, em Manaus. No período, os roubos a transporte coletivo foram os que mais caíram, mas houve redução também nos casos de roubos a residências, transeuntes e estabelecimentos comerciais. Segundo os indicadores, baseados em Boletins de Ocorrência registrados nas unidades policiais, em sete meses os roubos a ônibus somam 951 ocorrências, enquanto no mesmo período do ano passado foram mais de 1,6 mil.

PEDÁGIO

A prevenção do câncer é uma luta diária que conta com um exército de voluntários e apoiadores. Para garantir que as ações educativas e de conscientização tenham cada vez mais impacto, a Rede Feminina de Combate ao Câncer do Amazonas realiza hpoje seu 1º Pedágio Solidário, uma grande mobilização que ocorrerá simultaneamente, em 13 pontos da capital, com a participação de aproximadamente 200 pessoas. O objetivo é arrecadar fundos para a continuidade do cronograma de atividades de combate à doença, a ser desenvolvido em 2019.

LOGÍSTICA REVERSA

O Tribunal de Contas do Estado do Amazonas, por iniciativa do conselheiro Júlio Pinheiro e do procurador do Ministério Público de Contas Ruy Marcelo, sediou a 3ª audiência do Fórum Amazonense de Logística Reversa.  O Fórum tem como objetivo promover ações de logística reversa, que consiste no reaproveitamento de resíduos sólidos, principalmente por meio de reciclagem e reutilização de materiais. A 3ª audiência do Fórum procurou promover amplo diálogo entre governos, sociedade, segmentos da indústria e comércio do Amazonas para o desenvolvimento de logística reversa na região.

FRASES

“Existe vida e felicidade longe da agressão”. Djane, consultura tributária que se libertou das agressões que sofria do marido, em casa

“Sem regularização fundiária temos uma dificuldade muito grande de responsabilizar alguém que cometeu esse crime (desmatamento), porque não se sabe exatamente de quem é a terra.” Wilson Lima (PSC), governador do Amazonas

Veja Também

Frente & Perfil

Codam avalia 33 novos projetos industriais

29 Aug 2019, 15h34