Opinião

COMPARTILHE

Dinheiro para investimentos

Por Redação

09 Out 2019, 07h24

Crédito: Diego Peres/Secom

O governador Wilson Lima (PSC) assinou ontemum contrato para operação de crédito junto ao Banco do Brasil no valor de R$ 400 milhões. Segundo o secretário estadual de Fazenda, Alex Del Giglio, um montante de R$ 149,2 milhões será utilizado para o pagamento das dívidas de quatro programas; R$ 100 milhões para parceria público-privado (PPP) estadual, garantindo o funcionamento pleno do Hospital e Pronto-Socorro Delphina Rinaldi Abdel Aziz e R$ 150 milhões para pagamento de contrapartida nos empréstimos em andamento. O aporte financeiro vai permitir a aceleração e continuação das obras do Prosamim III, recuperação de igarapés da cidade, construção do Anel Viário Leste, que ligará a Reserva Adolpho Ducke ao Distrito Industrial II, e a Duplicação da Rodovia AM-070, que liga Manaus a Manacapuru, dentre outras ações. Este recurso não pode ser aplicado em pagamentos de pessoal. Portanto, não servirá para uma antecipação do décimo-terceiro salário, que este ano, pela primeira vez em mais de uma década, não teve parcela em julho.

SEM MAIS

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), disse ontem que não vai mais se manifestar sobre o assassinato do engenheiro Flavio Rodrigues dos Santos. A polêmica em que o político se envolveu se deveu ao fato de que o crime ocorreu na residência de sal enteado, Alejandro Molina. Para a autoridade, o caso deve ser conduzido pela Polícia e não na esfera política, aonde foi parar apenas por causa de sua proximidade com o rapaz.

RACISTA

A Câmara Municipal de Manaus, por meio da Comissão de Cultura e Patrimônio Histórico, vai realizar audiência pública para a escolha da nova identificação da avenida Domingos Jorge Velho, localizada no bairro Dom Pedro, zona Centro-Oeste, em cumprimento à recomendação legal número 004/2018, do Ministério Público Federal, tendo em vista a referência personalidade histórica escravista. O evento ocorrerá na próxima sexta-feira (4), às 10h, no auditório Zany dos Reis, da casa legislativa.

O PRÓXIMO

De acordo com o MPF, o bandeirante paulista comandou uma campanha contra o Quilombo dos Palmares, no Nordeste brasileiro. Agora, a via deve receber o nome de personalidade histórica, lugar ou elemento com referência à causa negra, a ser escolhido por participação popular.

PLANEJAMENTO

Relator das contas da Secretaria de Estado de Educação , o conselheiro do Tribunal de Contas do Amazonas, Josué Filho, determinou ontem, por meio de ofício, que a secretaria encaminhe à Corte de Contas o planejamento global da Secretaria para o ano de 2020 para acompanhamento concomitante pelo TCE-AM.  A solicitação foi feita a partir de um sugestão do conselheiro Ari Moutinho Júnior, durante a sessão do Pleno, e enviada à Seduc em uma notificação referente à manutenção do fornecimento de merenda escolar.

DEVOLUÇÃO

O pleno do Tribunal de Contas do Amazonas julgou irregular ontem as contas do ex-prefeito de Presidente Figueiredo, Neilson da Cruz Cavalcante (PSB), do exercício financeiro de 2014. Devido às diversas irregularidades constatadas pelos órgãos técnicos e ministerial do TCE, o ex-gestor foi condenado a devolver aos cofres públicos, entre multa e alcance, o valor de R$ 4,4 milhões. O ex-prefeito que ainda pode recorrer, tem 30 dias para devolver o dinheiro aos cofres públicos.

ALERTA

O Tribunal de Contas do Amazonas também alertou a Prefeitura de Presidente Figueiredo por ter ultrapassado o limite de despesas com pessoal previsto em lei. O alerta foi publicado no Diário Oficial Eletrônico  do Tribunal, por meio da Diretoriade Controle Externo de Arrecadação Subvenções e Renúncia de Receitas.

PARQUE 10

A Prefeitura de Manaus, por meio da Agência Reguladora dos Serviços Públicos Delegados do Município de Manaus, notificou a concessionária Águas de Manaus pela falta de abastecimento de água no bairro Parque 10, zona Centro-Sul. O órgão solicita, num prazo de 10 dias, que a concessionária informe os motivos que ocasionaram o desabastecimento de água para os moradores e comerciantes do conjunto Castelo Branco.

CONTROLE

O Governo do Estado contará com novas soluções de gestão e controle voltadas à auditoria e ao registro de bens de agentes públicos. As melhorias resultam da assinatura de dois Termos de Cooperação Técnica firmados entre a Controladoria-Geral do Estado do Amazonas, a Controladoria-Geral do Distrito Federal e a Controladoria-Geral do Município de São Paulo.

FRASES

“Muitos covardes estão de orelha em pé e as mulheres de coração aliviado.” Alessandra Campelo (MDB), deputada estadual, em inauguração de nova unidade da Delegacia Especializada em Crimes Contra a Mulher

“A reforma da Previdência é amarga, mas necessária." Eduardo Braga (MDB), senador pelo Amazonas

Veja Também

Frente & Perfil

Um caso político/policial

09 Oct 2019, 07h32