COMPARTILHE

Barco-Escola Sumaúma capacita 500 estudantes no interior do Amazonas

xxxxx

Por Jornal do Commercio

28 Out 2015

 

Cerca de 500 jovens do município de Codajás, a 308km de Manaus, terão a oportunidade de se capacitar em um dos 21 cursos profissionalizantes oferecidos gratuitamente pelo projeto Barco-Escola Samaúma, que ficará na cidade entre outubro e novembro. A ação é coordenada pelo Senai-AM e conta com patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental.
As primeiras turmas já foram iniciadas, mas a instituição abrirá inscrição para dois novos cursos: Empreendedorismo (em parceria com o Sebrae) e Educação Alimentar (do programa Cozinha Brasil Sesi). As inscrições começam dia 03 de novembro e serão anunciadas na Secretaria de Educação do município. O convênio contempla a formação de jovens de comunidades ribeirinhas por dois anos.
Os cursos oferecidos são para capacitação nas áreas de atendimento, gastronomia, construção civil, resíduos sólidos, elétrica, mecânica e manutenção. As aulas, com duração total de 160 horas, contam com o suporte de equipe formada por dez professores do Senai. Neste ano, o Barco-Escola Samaúma já passou por Tefé, Coari e Tapauá, e profissionalizou cerca de 1.900 pessoas. A embarcação possui quatro salas de aprendizagem, sete laboratórios e duas oficinas para educação prática. No encerramento dos cursos, os alunos receberão diplomas do Senai.

Programa Petrobras Socioambiental
Por meio do Programa Petrobras Socioambiental: Desenvolvimento Sustentável e Promoção de Direitos, a Petrobras investe em projetos de todo o país, com foco nas linhas de atuação Produção Inclusiva e Sustentável, Biodiversidade e Sociodiversidade, Direitos da Criança e do Adolescente, Florestas e Clima, Educação, Água e Esporte.

Veja Também